Tahiti Pro – round 2
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tahiti Pro – round 2

3 brasileiros varam a repescagem e 11 do time seguem na briga

Thiago Blum

25 de agosto de 2019 | 19h51

Peterson Crisanto – foto: WSL

O mar deu uma alisada e as 4 baterias do chamado ‘Elimination Round’ definiram os últimos classificados para a 3ª fase do Tahiti Pro, 7ª etapa do mundial da WSL.

Dos quatro brasileiros que caíram no mar, três passaram pela repescagem e garantiram presença na fase mata-mata.

Peterson Crisanto descolou uma nota 8,17 e foi o único que venceu sua bateria.

Caio Ibelli – foto: WSL

Jesse Mendes e Caio Ibelli avançaram em segundo lugar.

Assim, 11 dos 12 brasileiros no evento estão no round o 32.

Gabriel Medina, Jadson André, Adriano de Souza, Ítalo Ferreira, Filipe Toledo, Willian Cardoso, Yago Dora e Deivid Silva já haviam se classificado.

Michael Rodrigues não achou boas esquerdas em Teahupoo e foi o único brasileiro eliminado com a 33ª posição.

Jesse Mendes – foto: WSL

Pela previsão, as próximas baterias só devem rolar na terça-feira.

Confira os confrontos:

Kanoa Igarashi (JAP) x Jadson André

Adrian Buchan (AUS) x Deivid Silva

Owen Wright (AUS) x Soli Bailey (AUS)

Michel Bourez (FRA) x Sebastian Zietz (HAW)

Ítalo Ferreira x Adriano de Souza

Joan Duru (FRA) x Willian Cardoso

Jordy Smith (AFS) x Ricardo Christie (NZL)

Julian Wilson (AUS) x Yago Dora

Kolohe Andino (EUA) x Kauli Vaast (FRA)

Wade Carmichael (AUS) x Jeremy Flores (FRA)

Ryan Callinan (AUS) x Griffin Colapinto (EUA)

Gabriel Medina x Ezekiel Lau (HAW)

Filipe ToledoJesse Mendes

Seth Moniz (HAW) x Peterson Crisanto

Conner Coffin (EUA) x Caio Ibelli

Kelly Slater (EUA) x Jack Freestone (AUS)

por @thiago_blum

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: