The French Rendez-Vous of Surfing
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

The French Rendez-Vous of Surfing

Europa recebe mais um evento especial da WSL

Thiago Blum

22 de setembro de 2020 | 19h51

Ítalo Ferreira em ação na França no ano passado – foto: WSL

Estados Unidos, Austrália, Brasil… e agora, a França.

É o mini-tour da WSL girando o planeta em ano de pandemia.

A partir desta quarta, Anglet recebe alguns dos melhores atletas do mundo.

O ‘The French Rendez-Vous of Surfing’ é a primeira das duas etapas do que a World Surf League chamou de ‘2020 Euro Cup of Surfing’.

A segunda será em Portugal.

Só pode competir quem está na Europa.

Mas tem brasileiro na parada.

E não é qualquer brazuca, não!

Como Ítalo Ferreira viajou para o Velho Continente – e não perde a chance de competir – será o ‘intruso’ perfeito no evento.

Ítalo Ferreira, campeão do ‘Onda do Bem’ na semana passada – foto: WSL

Ítalo volta à França um ano após o vice-campeonato na etapa de Hossegor do circuito de 2019.

Foi lá, que o potiguar iniciou a arrancada para o incrível título mundial.

Mas o campeão – que levantou também o troféu no torneio especial da WSL realizado em Itamambuca (Ubatuba) na sexta-feira passada – terá a companhia de outros ‘não-europeus’ na competição.

O japonês Kanoa Igarashi será um deles.

Ramzi Boukhiam é outro.

Lembra dele?

O marroquino que brilhou aqui no Brasil?

Pois é… Ramzi venceu o QS 5 mil de Fernando de Noronha, um dos poucos eventos oficiais de 2020.

Ramzi Boukhiam em Fernando de Noronha – foto: WSL

Surfistas do Tahiti, a Polinésia Francesa, também vão marcar presença.

Destaques para Michel Bourez e Kauli Vaast.

Confira a lista dos surfistas confirmados:

Ítalo Ferreira (BRA), Kanoa Igarashi (JPN), Michel Bourez (TAH), Leonardo Fioravanti (ITA), Frederico Morais (POR), Joan Duru (FRA), Gatien Delahaye (FRA), Vasco Ribeiro (POR), Ramzi Boukhiam (MAR), Maxime Huscenot (FRA), Andy Criere (FRA) e Kauli Vaast (TAH).

Estamos de olho…

‘Allons enfants’…

por @thiago_blum

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.