Com quadro clínico bom, Robert Kubica passará por cirurgia no úmero e no pé

miltonpazzi

09 de fevereiro de 2011 | 17h23

ROMA – O piloto polonês Robert Kubica foi reavaliado nesta quarta-feira, três dias após ter sofrido um grave acidente durante a disputa do rali Rondi di Ancora, no norte da Itália, e, segundo os médicos, tem um quadro clínico bom, o que o permitirá passar por duas cirurgias.

“As intervenções serão feitas no pé e no úmero [osso longo do braço] e serão realizadas no Hospital Santa Corona pela mesma equipe médica que o operou durante a primeira intervenção”, informa o boletim médico emitido nesta quarta pela unidade da comuna de Pietra Ligure, no norte da Itália.

Ainda segundo o boletim, o piloto está acordado e vem respirando e se alimentando sozinho. Além disso, recebeu visitas com as quais conversou mais do que com as pessoas que havia recebido na terça-feira.

O médico que operou Kubica no domingo, Ignor Rossello, visitou-o novamente nesta quarta-feira e declarou aos jornalistas que o piloto consegue movimentar os cinco dedos da mão direita, o que indica que a cirurgia foi bem sucedida.

“É um grande resultado, porque a intervenção foi demorada e muito complexa. A reabilitação também será longa. Começaremos pelo movimento dos músculos com exercícios contínuos dia a dia”, comentou Rosello à imprensa italiana. (Efe)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.