Equipes ligam os motores em Interlagos

miltonpazzi

29 de outubro de 2008 | 19h25

SÃO PAULO – Os motores já foram ligados. Ferrari, Renault e outras fizeram o primeiro teste em seus carros. O dia de trabalho dos mecânicos nesta quarta-feira de GP do Brasil 2008 de Fórmula 1 foi dedicado à montagem dos motores e dos componentes. Só a Honda, do brasileiro Rubens Barrichello, fechou as portas cedo – para ir à comemoração promovida pelo piloto.

PREPARAÇÃO
Nelsinho Piquet mais uma vez esteve em Interlagos para se exercitar nesta quarta-feira. O piloto da Renault correu pela pista e atendeu a uma equipe de televisão para um programa de variedades.

REUNIÃO
A McLaren fez uma reunião entre seus mecânicos na porta dos boxes (curiosamente, estão instalados no número 13). Foi possível notar que era uma conversa motivacional, lembrando a todos que o trabalho do ano chega ao fim e que era hora de fazer o melhor possível para Lewis Hamilton ser campeão.

PNEUS
O trabalho foi intenso também na Bridgestone. Como é grande a possibilidade de chuva no domingo, os pneus para o piso molhado já estavam quase todos prontos para as equipes. Os de pista seca estão prontos para sua última corrida com ranhuras (ano que vem voltam os slicks) e formavam pilhas por quase todo o espaço do último boxe.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.