Show de horrores na Arena Barueri

wagnervilaron

22 de junho de 2012 | 17h53

Dentro do campo, Palmeiras e Grêmio fizeram um jogo interessante.

Tenso e pegado, como qualquer partida decisiva entre essas equipes costuma ser.

Fora de campo, porém, o que se viu em Barueri foi um show de horrores.

Não bastasse o caos no trânsito da capital, os herois que conseguiram superá-lo depararam-se com uma série de desrespeitos e confusão na chegada a Barueri.

Para quem não conhece o local, a Arena fica às margens da Rodovia Castello Branco.

O acesso, porém, se dá por ruas estreitas, de mão dupla. que travaram completamente diante do grande fluxo de torcedores do Palmeiras que se aventuraram por lá.

Chegou-se ao ponto de muitos deixarem seus carros no acostamento da rodovia para seguir à pé.

Conclusão: muita gente chegou apenas no segundo tempo.

Outros, simplesmente perderam o jogo.

Ou seja, de nada adianta ter um estádio simpático, novo e bem localizado se o acesso ao mesmo é inviável para jogos de médio e grande porte.

Uma situação lamentável, que só enche de razão os “chatos” da Fifa, preocupados com questões relacionadas a acessibilidade, transporte público, acomodação e conforto etc…

Espero que a diretoria do Palmeiras esteja sensível ao que seus torcedores passam quando for definir o local onde mandará a primeira partida da final.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.