Até quando?

Wilson Baldini Jr.

22 de junho de 2009 | 11h34

Até quando o boxe brasileiro vai seguir como “sparring” do mundo? Lutas que ninguém sabe, com lutadores que ninguém conhece, atrás de cinturões que ninguém vê. Sábado, a baiana Halana dos Santos, de 19 anos, perdeu para a peruana Kina Malpartida, em Lima, por nocaute técnico, no sétimo assalto. Mais uma das milhões de tristezas do nosso pobre boxe.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.