Bradley bate Marquez por pontos. Nova polêmica

Wilson Baldini Jr.

13 de outubro de 2013 | 15h52

Dificilmente uma luta decidida por pontos não causa discussão. Pois o triunfo de Timothy Bradley sobre Juan Manuel Marquez não foi diferente. “Aqui, em Las Vegas, só venço se nocautear. Me roubaram mais essa luta. É a sexta vez na carreira.” Na verdade é a quinta vez que o mexicano perdeu na Cidade do Jogo. Antes de sábado à noite, foram duas vezes para Manny Pacquiao, uma para Floyd Mayweather e outra para Freddie Norwood.

Marquez tomou do mesmo veneno que usou contra Pacquiao. Desta vez, foi Bradley que atuou no contra-golpe e se saiu bem. Marquez é um contra-golpeador e parecia não estar preparado para tomar a iniciativa.

Marquez, talvez, pendure as luvas, pois aos 40 anos não sei se terá uma nova grande proposta. A quinta luta com Pacquiao não deverá acontecer.

Já Bradley se torna um nome forte para enfrentar até mesmo Mayweather. O problema é que lhe falta carisma para vender assinaturas no pay per view.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: