Meio-médio é muito para Adrien Broner

Wilson Baldini Jr.

24 de junho de 2013 | 09h40

Poucos lutadores na história do boxe subiram de categoria e seguiram pegadores. Um dos melhores exemplos foi o panamenho Roberto Duran, que sempre foi “Mano De Piedra” nos mais de 20 anos de boxe profissional. Depois da vitória de sábado sobre Paulie Malignaggi, acho que Adrien Broner deve continuar como peso leve. Meio-médio é muito para ele. Perdeu velocidade e pegada.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.