Sem renovação

Wilson Baldini Jr.

20 de janeiro de 2010 | 00h53

Todo mês olho o ranking das principais entidades para ver se aparece um novo gênio para os pesos pesados. Parece que o período de seca está longe de acabar. Na última lista do Conselho Mundial de Boxe, do campeão até o décimo colocado, apenas dois estão entre os 25 anos de idade. Denis Boytsov (23) e Francesco Pianeta (25). E eles não são de nada.

Depois temos os trintões: Derric Rossy, Odlanier Solis e Samuel Peter, todos com 29 primaveras. Solis e Peter são bons tecnicamente, mas muito gorduchos. São os “Ronaldinhos”. Alexander Povetkin está com 30, enquanto Manuel Quezada tem 32. Não entusiasmam ninguém.

Nikolay Valuev soma 36 anos, seguido por Vitali Klitscko (38) e Ray Austin (39). Todos péssimos. Aos 41 anos, James Toney é o vovô da turma e só está aí para ganhar um pouco de dinheiro.

Gente nova e boa que é bom….nada!

A categoria dos pesos pesados está parecendo os grandes times de futebol de Sâo Paulo. Repletos de “velhinhos”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: