Esportes

Esportes

O São Paulo tem espaço para acomodar o atacante Alan Kardec?

Muricy Ramalho pode mexer no time que já tem Alexandre Pato e Luis Fabiano?

Ciro Campos,

28 de Abril de 2014 | 18:10
Atualizado 28 de Abril de 2014 | 18:10

Daniel Teixeira/Estadão

A chegada do atacante Alan Kardec, ex-Palmeiras, ao time do São Paulo deixa em dúvida como o técnico Muricy Ramalho pode arrumar lugar no time para acomodar o reforços entre os titulares. Com Luis Fabiano e Alexandre Pato considerados intocáveis, resta saber se é possível escalar um terceiro homem ofensivo, e que vive grande fase, sem desequilibrar e enfraquecer a defesa de uma equipe que tem mostrado atuações irregulares ao longo da temporada.

Muricy já admitiu que pensa em escalar Kardec na armação, ao lado de Paulo Henrique Ganso. A dupla já funcionou em 2011, quando atuaram sob comando do mesmo técnico na época do Santos. Porém, Kardec tem como característica a presença de área e a finalização, o que pode deixar o setor de marcação sobrecarregado. Ouvimos dois ex-campeões da Libertadores pelo clube do Morumbi para saber se no time atual cabe o ex-palmeirense para atuar ao lado de tantos outros nomes poderosos do setor ofensivo.

Cuidado com a defesa
Cuidado com a defesa

Luizão

Ex-jogador

O São Paulo precisa ter um time mais equilibrado. Atualmente a equipe tem falhado demais na marcação e sido irregular, pois alterna jogos bons com ruins. É preciso ajeitar o time como um todo para voltar a fazer uma sequência boa de jogos, com regularidade. A chegada do Alan Kardec, mais um atacante, torna isso mais difícil, porque a ênfase deve ficar ainda mais ofensiva. O momento pede para ser montado um time mais coeso.

O Alan Kardec sabe jogador como armador e até pode ser escalado para essa função junto com o Ganso, mas tem vocação de atacante. Isso vai fazer o time ficar mais vulnerável na defesa. Por isso acho que será uma tarefa bastante difícil ajeitar o time com Alexandreo Pato, Luis Fabiano e o Kardec como titulares. É preciso não se esquecer do cuidado com a defesa.

Luizão,

Em 2005, foi campeão paulista e da Libertadores com o São Paulo

Tem que ser titular
Tem que ser titular

Macedo

Ex-jogador

A vinda de um jogador de qualidade, como o Alan Kardec, nunca é ruim. Lembro que na época que conquistamos a Libertadores, em 1992, o Telê Santana teve de se virar para montar um time em que houvesse vagas para os jogadores de talento, com Raí, eu, Palhinha e Muller como titulares. Nunca é problema ter jogadores bons ao mesmo tempo no time. O pior é se fosse ao contrário, daí sim seria um grande problema para resolver.

O Muricy Ramalho, como técnico, vai precisar quebrar a cabeça para ajeitar o time com Kardec, Pato e Luis Fabiano. Logicamente será preciso equilibrar o time, sem deixar a defesa enfraquecida. O Telê fazia isso muito bem e fez do São Paulo uma grande equipe e ganhou vários títulos. É possível fazer o mesmo agora, porque o clube acertou ao trazer o Kardec, que é um jogador de muita qualidade.

Macedo,

Ex-atacante, Macedo destacou-se no São Paulo no início dos anos 90. Com o clube, foi campeão Mundial Interclubes. 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Outros Temas

Mata-mata ou pontos corridos, qual a melhor forma de disputa?

Mata-mata ou pontos corridos, qual a melhor forma de disputa?

O Brasil tem chance de ficar fora da Copa de 2018?

O Brasil tem chance de ficar fora da Copa de 2018?

É a favor do uso de recursos eletrônicos na arbitragem?

É a favor do uso de recursos eletrônicos na arbitragem?

Como lidar com o calor durante as partidas?

Como lidar com o calor durante as partidas?

Estadão Blue Studio Express

Conteúdo criado em parceria com pequenas e médias empresas. Saiba mais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.