Ainda machucado, Yao Ming diz que não jogará Mundial

O pivô Yao Ming, maior ídolo da história do basquete na China, afirmou nesta terça-feira que não disputará o Campeonato Mundial da modalidade, que acontecerá na Turquia, entre os dias 28 de agosto de 12 de setembro.

AE, Agencia Estado

12 de janeiro de 2010 | 10h46

Yao Ming, de 29 anos, sofreu uma fratura por estresse no pé esquerdo, e foi operado em julho do ano passado. Ele teve problemas para recuperar-se, e desde então tem desfalcado o Houston Rockets na NBA.

"Definitivamente eu não vou conseguir me recuperar a tempo para o Mundial. Não poderei treinar até julho devido à lesão. Acho que será melhor dar chances aos mais jovens", afirmou o jogador, de 2,29 metros.

A China está no C do Mundial, ao lado da anfitriã Turquia e de Grécia, Porto Rico, Rússia e Costa do Marfim. As quatro seleções melhores colocadas avançam para a fase de oitavas de final.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteChinaYao MingMundial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.