Alex é dispensado de equipe da NBA

O New Orleans Hornets dispensou nesta quinta-feira o brasileiro Alex Garcia, que tinha contrato de risco até 10 de janeiro. A equipe da NBA podia liberá-lo a qualquer momento, sem obrigação de pagar multa. Agora, o empresário de Alex, Marcelo Maffia, negocia com dois times da Espanha: o Tau Cerámica, do também brasileiro Tiago Splitter, e o Valencia.?Os dois times já estavam interessados no Alex antes antes de ele decidir retornar ao Hornets?, explicou Marcelo Maffia.Essa foi a terceira passagem de Alex pela NBA, a liga norte-americana de basquete. Em 2003, fez dois jogos pelo San Antonio Spurs, mas sofreu uma contusão e não ficou na equipe. Depois, começou a temporada 2004/2005 pelos Hornets e disputou oito partidas, três delas como titular, com média de 5,5 pontos por jogo, mas sofreu outra lesão ? no joelho ? e foi dispensado. Na pré-temporada, Alex teve média de 3,5 pontos e 2,5 assistências em quatro jogos disputados pelos Hornets, que estão fazendo suas partidas em Oklahoma City desde a passagem do furacão Katrina por New Orleans.Antes de ir aos Estados Unidos nesta última vez, Alex foi campeão com a seleção brasileira na Copa América, em julho, na República Dominicana, e defendeu o COC/Ribeirão Preto por duas semanas.Assim, o Brasil deverá ter 5 jogadores na temporada 2005/06 da NBA, que começa na próxima terça-feira. São eles: Nenê (Denver Nuggets), Anderson Varejão (Cleveland Cavaliers), Leandrinho (Phoenix Suns), Rafael ?Baby? Araújo (Toronto Raptors) e o novato Lucas Tischer (Phoenix Suns).

Agencia Estado,

27 de outubro de 2005 | 18h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.