Alex Brandon/AP
Alex Brandon/AP

Após escorregar em casa, John Wall será operado e desfalca Wizards por um ano

Jogador de 28 anos rompeu o tendão de Aquiles em acidente caseiro

Redação, Estadão Conteúdo

05 de fevereiro de 2019 | 18h48

O Washington Wizards informou nesta terça-feira que o armador John Wall precisará ser submetido a cirurgia e ficará um longo período afastado das quadras da NBA. E o motivo é dos mais insólitos: o jogador de 28 anos rompeu o tendão de Aquiles após escorregar e cair em sua residência.

Em comunicado, a franquia da capital norte-americano revelou que Wall rompeu o tendão de Aquiles ao sofrer o escorregão. Por isso, o jogador precisará ser operado e ficará afastado das quadras por mais um ano, o que coloca em risco sua participação na temporada 2019/2020 da liga.

Wall estava afastado das quadras desde janeiro, quando passou por uma cirurgia no calcanhar esquerdo para solucionar um problema crônico no tendão de Aquiles. A expectativa, na época, era de que ficasse de seis a oito meses afastado.

O jogador, porém, apresentou uma infecção na incisão feita na cirurgia e, por isso, passou por novo procedimento para limpeza do local. E foi justamente nesta operação que a ruptura do tendão de Aquiles foi diagnosticada. Posteriormente, foi ligada a uma queda que Wall teve em sua residência.

No Wizards desde que entrou na NBA, em 2010, Wall vinha tendo médias de 20,7 pontos e 8,7 assistências nesta temporada, em meio à fraca campanha da equipe, atualmente apenas na décima colocação da Conferência Leste. Apesar de ter problemas de relação com algumas das peças do elenco, o jogador renovou contrato até 2023 e receberá pelas próximas quatro temporadas US$ 170,9 milhões.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.