Gregory Shamus/AFP
Gregory Shamus/AFP

Após título por Toronto, Kawhi Leonard deixa os Raptors e vai para os Clippers

Negociação ousada do time de Los Angeles garante ainda a chegada de Paul George, que estava no Thunder

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de julho de 2019 | 09h57

Um dos agentes livres mais cobiçados da NBA, Kawhi Leonard colocou um ponto final na novela sobre seu destino. Após ajudar o Toronto Raptors a conquistar o título inédito do torneio, o astro jogará pelo Los Angeles Clippers pelas próximas quatro temporadas, recebendo cerca de R$ 539 milhões neste período. As informações foram divulgadas na manhã deste sábado pela ESPN americana.

Segundo as informações, a franquia da Califórnia ainda está fazendo um grande movimento de mercado com o Oklahoma City Thunder, que envolve também a chegada do ala Paul George. A transação ousada evita que Leonard se junte a LeBron James e Anthony Davis no Los Angeles Lakers, uma vez que o atual MVP das finais da liga expressou seu desejo de voltar à sua terra natal quando ainda jogava pelo San Antonio Spurs.

Para isso, os Clippers estão enviando escolhas desprotegidas nos drafts de 2022, 2024 e 2026, além de escolhas protegidas de primeira rodada de 2021 e 2023 via Miami Heat. Ainda fazem parte do pacote de Los Angeles para Oklahoma os jogadores Shai Gilgeous-Alexander e Danilo Gallinari.

Paul George e Kawhi Leonard já tinham o desejo de jogar juntos, e o agente do agora ex-jogador do Thunder, Aaron Mintz, se reuniu recentemente com o gerente-geral de Oklahoma City, Sam Presti, para solicitar uma troca. De acordo com as informações divulgadas, Leonard gostaria de se juntar a uma equipe concorrente ao título e crê que a parceria com George pode ser o ideal.

Porém, pode ser que a dupla ainda demore a engrenar, afinal, o camisa 13 ainda se recupera de uma cirurgia no ombro e deve perder as primeiras rodadas da temporada regular da NBA. Com as adições recentes dos seus times, a cidade de Los Angeles proporcionará noites interessantes aos seus torcedores, principalmente quando Leonard e George entrarem em quadra para encarar James e Davis.

Na última temporada, Kawhi Leonard teve médias de 26,6 pontos, 7,3 rebotes e 3,3 assistências em 25,89 minutos de quadra. Em sua primeira e única temporada com o Toronto Raptors, foi um dos responsáveis por conquistar o título inédito da franquia do Canadá. Em Oklahoma City, George teve médias de 28 pontos, 8,2 rebotes e 4,1 assistências em 23,32 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.