Astro do Denver Nuggets é preso por suposta embriaguez

Carmelo Anthony deixou a delegacia após pagar fiança e pediu desculpas aos fãs pelo ato cometido

Redação,

14 de abril de 2008 | 18h15

Mais uma vez, o ala do Denver Nuggets, Carmelo Anthony, está envolvido em violação de leis. Desta vez, o jogador foi preso, na madrugada desta segunda-feira, sob a acusação de dirigir em estado de embriaguez. O atleta, amigo do brasileiro Nenê Hilário, conduzia uma Mercedes prata quando foi parado pela polícia. Anthony, que colaborou todo tempo, não passou pelos exames, inclusive o bafômetro, sendo encaminhado para a delegacia mais próxima.Depois, o advogado do jogador, Dan Recht, pagou a fiança e Carmelo Anthony foi liberado, mas terá que comparecer a uma audiência no dia 14 de maio para saber qual será sua punição. "Carmelo pede desculpas a seus fãs, a comunidade de Denver, seus companheiros de equipe e a organização dos Nuggets pela distração que ele causou", disse seu advogado.Curiosamente, Carmelo Anthony teve seu pior jogo da temporada regular no domingo, quando conseguiu anotar apenas 11 pontos, com o pífio aproveitamento de 21,4%. Mesmo assim, o Denver Nuggets venceu o Houston Rockets e está perto de assegurar sua vaga aos playoffs da NBA.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.