Hans Deryk/Reuters
Hans Deryk/Reuters

Astros superam contusões e Miami e Chicago vencem confrontos na NBA

LeBron ajuda Heat a derrubar o Pistons e Derrick Rose contribui no triunfo do Bulls sobre o Magic

AE, Agência Estado

29 de janeiro de 2011 | 09h38

MIAMI - As duas maiores estrelas de Miami Heat e Chicago Bulls tiveram que superar contusões para levar suas equipes à vitória na noite desta sexta-feira, na NBA. LeBron James torceu o tornozelo esquerdo pela terceira vez na temporada, mas ainda assim conduziu o time da Flórida ao apertado triunfo sobre o Detroit Pistons. Já Derrick Rose teve que aguentar as dores causadas por duas úlceras estomacais para que o Bulls batesse o Orlando Magic.

Um dia depois de cair diante do New York Knicks, o Miami Heat teve de suar para ganhar, em casa, de um dos piores times da Conferência Leste. A sofrida vitória por 88 a 87 sobre o Pistons só foi possível pelos 39 pontos de LeBron James, que ainda pegou nove rebotes e deu nove assistências. O astro compensou os desfalques dos outros dois destaques do Heat, Dwyane Wade e Chris Bosh, ambos contundidos, e ajudou a equipe a reverter uma desvantagem de 10 pontos no terceiro período.

Já Derrick Rose anotou 22 pontos no triunfo do Chicago Bulls por 99 a 90 diante do Orlando Magic. O armador, que sente dores ao comer, beber e até mesmo tomar banho, não esteve numa noite das mais inspiradas, mas ainda assim ajudou a equipe a alcançar a nona vitória nos últimos 11 jogos e manter, juntamente com o Miami Heat, a segunda melhor campanha do Leste.

O principal nome do Bulls foi o sudanês Luol Deng, que anotou 26 pontos, sendo 14 somente no terceiro quarto. Carlos Boozer também foi importante com seu duplo-duplo de 16 pontos. O cestinha do jogo, no entanto, foi Dwight Howard, do Magic, que conseguiu 40 pontos e ficou a cinco de igualar seu recorde pessoal na NBA. Além disso, ele pegou 15 rebotes.

Dois favoritos ao título decepcionaram nesta sexta. Mesmo com 38 pontos de Kobe Bryant, o Los Angeles Lakers perdeu por 100 a 95 do Sacramento King, segunda pior equipe do Oeste. Apesar da derrota, o maior astro do atual bicampeão da NBA teve o que comemorar: subiu para o oitavo lugar na lista dos maiores cestinhas da história da liga, com 26.972 pontos, superando o ex-pivô Hakeem Olajuwon.

Já o Boston Celtics caiu por 88 a 77 diante do Phoenix Suns e mostrou um show de destempero emocional. O ala-pivô Kevin Garnett e o técnico Doc Rivers foram expulsos pela arbitragem. O primeiro, por ter atingido numa falta abaixo da linha da cintura Channing Frye, do Suns, que provocou uma grande discussão ao tentar revidar. Já o segundo teve de deixar o banco de reservas por reclamação.

Time mais ofensivo da NBA, o Boston acertou apenas 34% dos disparos de quadra e converteu apenas dois de 18 arremessos de três pontos. Pelo Suns, o destaque foi o canadense Steve Nash, com 13 pontos e 10 assistências.

O Denver Nuggets não teve dificuldade para impor ao Cleveland Cavaliers a 19ª derrota seguida na temporada. Com Nenê no banco de reservas na maior parte do tempo, o time do Oeste venceu por 117 a 103, com 33 pontos de Carmelo Anthony, de volta à boa fase. O brasileiro jogou por apenas nove minutos e terminou com nove pontos e três rebotes.

Resultados de 28 de janeiro:

Indiana Pacers 124 x 92 New Jersey Nets

Philadelphia 76ers 94 x 99 Memphis Grizzlies

Toronto Raptors 110 x 116 Milwaukee Bucks

Atlanta Hawks 111 x 102 New York Knicks

Cleveland Cavaliers 103 x 117 Denver Nuggets

Miami Heat 88 x 87 Detroit Pistons

Chicago Bulls 99 x 90 Orlando Magic

Oklahoma City Thunder 124 x 117 Washington Wizards

Utah Jazz 108 x 100 Minnesota Timberwolves

Golden State Warriors 113 x 121 Charlotte Bobcats

Los Angeles Lakers 95 x 100 Sacramento Kings

Phoenix Suns 88 x 71 Boston Celtics

Jogos de 29 de janeiro:

Chicago Bulls x Indiana Pacers

Minnesota Timberwolves x Toronto Raptors

Memphis Grizzlies x Washington Wizards

Dallas Mavericks x Atlanta Hawks

Milwaukee Bucks x New Jersey Nets

San Antonio Spurs x Houston Rockets

Sacramento Kings x New Orleans Hornets

Los Angeles Clippers x Charlotte Bobcats

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.