Atletas lamentam derrota e elogiam trabalho de Moncho

Os jogadores da seleção brasileira masculina de basquete lamentaram a derrota por 78 a 65 para a Alemanha, sofrida nesta sexta-feira, no Pré-Olímpico de Atenas, que acabou com a possibilidade de classificar o Brasil para a Olimpíada de Pequim. Por outro lado, todos elogiaram o trabalho do técnico espanhol Moncho Monsalve. O pivô Tiago Splitter, melhor jogador do Brasil na partida desta sexta-feira, destacou o empenho do grupo durante o Torneio Pré-Olímpico, realizado em Atenas, na Grécia. "Não foi vergonha ter perdido aqui, todo mundo lutou e isso é o mais importante", afirmou.Ele também elogiou o desempenho do técnico espanhol Moncho Monsalve à frente da seleção. "Temos que agradecer muito ao treinador, ele é uma pessoa excepcional. Veio da Espanha para nos ajudar", disse Tiago Splitter. Já o ala Alex Garcia lamentou o resultado do jogo diante da Alemanha. "Todo mundo estava confiante, o trabalho foi bem feito, o grupo inteiro estava comprometido, mas não deu", assinalou o jogador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.