Austrália massacra seleção feminina de basquete

Em preparação para os Jogos de Londres, a seleção brasileira feminina de basquete foi massacrada no terceiro amistoso contra a Austrália, que também está classificada para a Olimpíada. Nesta quinta-feira, em Melbourne, as anfitriãs não encontraram qualquer dificuldade para derrotar o Brasil por 102 a 58.

AE, Agência Estado

28 de junho de 2012 | 09h52

Assim, a seleção brasileira encerrou a série de jogos contra as australianas com três derrotas e nenhuma vitória. Nos dois jogos anteriores, porém, a diferença de pontos tinha sido bem menor. No primeiro duelo, no domingo, as australianas venceram por 85 a 64. Na terça-feira, o Brasil perdeu por 80 a 73.

Nesta quinta-feira, a seleção dirigida por Luís Cláudio Tarallo apresentou pouca resistência, exceto pelo primeiro quarto, vencido pela Austrália por 21 a 18. Depois, no entanto, as australianas deslancharam. No segundo quarto, o Brasil fez apenas nove pontos e foi ao intervalo perdendo por 43 a 27.

No segundo tempo, a Austrália teve excelente desempenho ofensivo, anotou 59 pontos e concluiu a partida com a tranquila vitória por 102 a 58. Elizabeth Cambage foi a cestinha do jogo com 23 pontos e ainda obteve sete rebotes. Já Lauren Jackson somou 18 pontos e seis rebotes.

Iziane foi o principal destaque do Brasil ao anotar 18 pontos, enquanto Érika somou 15 pontos e nove rebotes. A equipe, porém, converteu apenas 32% dos arremessos de quadra durante o amistoso. O desempenho no garrafão também foi ruim. As australianas conseguiram 48 rebotes contra apenas 16 das brasileiras.

Após a série de jogos na Austrália, a seleção brasileira retorna ao País, onde dará sequência aos treinamentos para a Olimpíada. A equipe enfrentará Cuba, em Foz do Iguaçu, nos dias 6 e 8 de julho. Depois, em 16 de julho, vai encarar a seleção norte-americana nos Estados Unidos. Na França, entre os dias 20 e 22 de julho, a equipe jogará contra China, Austrália e a seleção local.

A seleção brasileira feminina de basquete foi sorteada para o Grupo B da Olimpíada e vai enfrentar Austrália, Grã-Bretanha, Rússia e duas equipes que se classificarem no Pré-Olímpico Mundial. Uma dessas seleções que ainda estão indefinidas será a primeira adversária do Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteamistosoBrasilAustrália

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.