Basquete: Brasil massacra Costa Rica

A seleção brasileira feminina sub-21 de basquete começou bem na Copa América, realizada em Ribeirão Preto. As meninas do técnico Antônio Carlos Barbosa massacraram a Costa Rica, vencendo por 108 a 37. A fragilidade da equipe adversária fez com que o jogo fosse fraco tecnicamente. Logo no final do primeiro tempo, o Brasil já tinha aberto 43 pontos. No segundo tempo, mesmo com as experiências realizadas por Barbosa, o ritmo não caiu. No final, os pontos de diferença acabaram sendo justos devido à desigualdade de condições das equipes. "Não podemos valorizar muito esta vitória devido à diferença técnica entre os dois times. A Costa Rica é uma equipe baixa e favoreceu nosso jogo no garrafão e os contra-ataques. Mas foi importante para o time ganhar confiança e demonstrar atitude", explicou o técnico da seleção brasileira. Na abertura da rodada, os Estados Unidos venceram a Venezuela por 100 a 40 e Porto Rico derrotou o Canadá por 53 a 50, no jogo mais equilibrado da rodada. Nesta quinta-feira, o Brasil enfrenta Porto Rico, às 20h30. "A vitória de Porto Rico sobre o Canadá foi uma surpresa para nós. Já tínhamos sentido que a equipe de Porto Rico era boa, mas, pela tradição, não esperávamos este resultado. Será um grande teste para nós", disse Barbosa. Além do jogo do Brasil, a Costa Rica enfrenta o Canadá e a Argentina joga contra a Venezuela. A Copa América é classificatória para o Mundial de 2003, que será realizado na Croácia. As três primeiras colocadas estarão classificadas para o principal torneio da categoria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.