Basquete feminino derrota a Rússia

A seleção brasileira feminina de basquete se recuperou da derrota para a Rússia no amistoso em Palmas, Tocantins, sexta-feira, e venceu neste domingo a seleção russa, por 59 a 58, no Ginásio do Tijuca. O Brasil ficou atrás no placar durante os três primeiros quartos e conseguiu virar o jogo na etapa final. As equipes voltam a se enfrentar quinta-feira, também no Rio. Os amistosos servem de preparação para o Pan-Americano de Santo Domingo e o Torneio Pré-Olímpico. A Rússia começou melhor a partida. A seleção brasileira desperdiçava muitos ataques e pecava na marcação. Com isso, o time russo se aproveitou e colocou uma vantagem de dez pontos no placar. A facilidade era tanta que as russas fizeram até uma jogada de ponte aérea (aquela em que a armadora lança a bola na direção do aro e outra atleta faz a cesta). O primeiro quarto terminou 20 a 12. No segundo, o Brasil melhorou na defesa, tanto que a Rússia demorou quatro minutos para conseguir assinalar os seus dois primeiros pontos, mas continuou decepcionando no ataque. Mesmo assim, o máximo que as brasileiras conseguiram foi diminuir a diferença para um ponto. Além disso, a seleção brasileira errava muitos lances livres ao contrário do time russo, que apresentava 100% de aproveitamento. O Brasil voltou a piorar na marcação no terceiro quarto. Os erros constantes nos lances livres continuavam. A jogadora Julia era o destaque da Rússia. Na seleção brasileira, a armadora Adrianinha era a melhor na quadra. O time russo voltou a ampliar a vantagem e terminou a etapa vencendo por 50 a 41. No último quarto, o Brasil contou com a boa atuação de Jacqueline e conseguiu reagir no placar. A defesa voltou bem armada e a seleção conseguiu empatar e virar o marcador. A Rússia começou a errar lances livres, mas, mesmo assim, o final foi bem disputado, com o Brasil derrotando as adversárias por apenas um ponto de diferença. A jogadora Julia terminou como a cestinha da partida, com 15 pontos. Adrianinha, do Brasil, assinalou 12.

Agencia Estado,

13 de julho de 2003 | 18h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.