Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Basquete feminino embarca para amistosos

O técnico da seleção brasileira feminina de basquete, Antônio Carlos Barbosa, revelou nesta sexta-feira sua empolgação com a equipe, que embarcou à noite para a realização de oito amistosos na Europa, de segunda-feira até 6 de setembro.De acordo com o treinador, as atletas o têm surpreendido pelo o empenho demonstrado durante este período de preparação para a disputa do Pré-Olímpico do México, entre 17 e 21 de setembro, que dará uma vaga ao vencedor para Atenas. "Estou muito satisfeito com a seriedade e atitude das atletas. Estão unidas e com o enfoque no Pré-Olímpico. Desde que voltei à seleção em 1996 não tinha visto um time com um clima tão bom", disse Barbosa. "Até me surpreenderam com algumas iniciativas, como a de montar um quadro de mensagens de motivação."Segundo Barbosa, geralmente compete a ele deixar as mensagens motivacionais no quadro de avisos, instalado no hotel onde a seleção está concentrada. Desta vez, contou o treinador, as jogadoras tomaram para si esta responsabilidade. Aliado ao bom clima presente dentro e fora da quadra, Barbosa fez um balanço positivo desta semana em que o grupo passou treinando no Rio.Lembrou que a apresentação da ala Iziane, do Phoenix Mercury, da WNBA, da ala/pivô Leila, do Santo André, e da pivô Érika, do Unimed/Ourinhos, contribuiu para o crescimento técnico do grupo, mas também prejudicou um pouco o desenvolvimento do trabalho, "porque é necessário passar toda a tática para elas".Durante a passagem pela Espanha, a armadora Helen, do Washington Mystics, da WNBA, se integrará ao grupo. No retorno ao Brasil será a vez da ala Janeth, do Houston Comets, da WNBA. Com a chegada das duas estrelas, a delegação ficará com 14 jogadoras. Por isso, Barbosa será obrigado a realizar duas dispensas no grupo, porque somente 12 atletas podem ser inscritas no Pré-Olímpico.Excursão - A equipe titular para os confrontos europeus foi escalada por Barbosa com a armadora Adrianinha, as alas Iziane e Micaela, além das pivôs Alessandra e Cintia Tuiú. Nos dias 25 e 27, o Brasil enfrenta a Rússia, em Moscou. Em seguida, a seleção participa de um Torneio Internacional, de 29 a 31, contra Israel, e as equipes russas do Dynamo Energiya e BC Nadezhda. E encerra a excursão participando do Torneio Internacional de Cáceres, na Espanha, enfrentando o time espanhol, Sérvia e Montenegro (ex-Iugoslávia), além de Ucrânia, entre 4 e 6 de setembro.

Agencia Estado,

22 de agosto de 2003 | 18h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.