Basquete inicia luta para o Mundial

A Seleção Brasileira Masculina deBasquete estréia nesta quarta-feira, às 17h30, contra aVenezuela na Copa América ? que definirá quatro vagas para oMundial do Japão/2006 ? em Santo Domingos, na RepúblicaDominicana. O jogo irá ao vivo pela SporTV e a ESPN Brasil. OBrasil está no Grupo A e enfrenta ainda na primeira fase EstadosUnidos (quinta), Panamá (sexta) e Canadá (domingo).Brasileiros e venezuelanos enfrentaram-se 34 vezes emcompetições oficiais ? com 28 vitórias do Brasil contra seis daVenezuela. Para o técnico Lula Ferreira, da Seleção Brasileira, aVenezuela sempre é um adversário difícil. "Conta com jogadoresveteranos talentosos e que jogam sem muita responsabilidade. Otime fica mais solto", analisa. "A vantagem da nossa equipe éo vigor físico, a velocidade e a ousadia de um jovem grupo quebusca vaga para o Mundial do Japão." O técnico venezuelano Nestor Salazar aponta o Brasilcomo grande favorito ao título da competição. "Vamos tentarjogar com velocidade nos contra-ataques. Contra uma Seleção comjogadores tão talentosos, temos de evitar o jogo de um contra um pois sairemos em desvantagem", observa.Na primeira rodada, ainda jogam Estados Unidos e Panamá,Argentina e México, Uruguai e República Dominicana. FEMININO ? A Copa Eletrobrás Internacional Feminina deBasquete começa nesta quarta-feira no ginásio do Tijuca, comArgentina e Canadá, às 20h. O Brasil estréia quinta-feira,também às 20h, contra a Argentina. Os jogos servem de preparaçãopara a Copa América, também em Santo Domingos, na RepúblicaDominicana, com início em 14 de setembro. ESTADUAL - O Campeonato Paulista Masculino começa nestaquarta-feira, às 20h, com Hebraica e Uniara/Araraquara, naCapital.As duas equipes estão no Grupo B, ao lado de Americana,Unimed/Franca, São Bernardo, XV/Da Barra/Piracicaba, Conti/Assis Winner/Limeira e São Paulo FC/Santo André. O Grupo A temPinheiros, São Caetano, COC/Ribeirão Preto,Plasutil/Sukest/Bauru, Liberty Seguros/Casa Branca, DixAmico/Paulistano, Objetivo/São Carlos e Bandeirantes/Rio Claro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.