Divulgação/CBB
Divulgação/CBB

Basquete se apresenta para o Pan sem Larry, Hettsheimeir e outros 4

Seleção brasileira vai aos Jogos de Toronto com um time misto

Estadão Conteúdo

15 de junho de 2015 | 20h58

A preparação da seleção brasileira masculina que vai aos Jogos Pan-Americanos começou nesta segunda-feira, em São Paulo, com a apresentação da maior parte dos 12 atletas convocados pelo técnico Rubén Magnano. Seis deles, entretanto, ganharam uma folga maior e só vão se apresentar mais para frente.

Vão se juntar ao grupo na próxima quarta-feira o pivô Augusto Lima, o armador Raulzinho (ambos do Murcia, da Espanha), o ala-armador Vitor Benite, o pivô Olivinha (ambos do Flamengo) e o também pivô Rafael Hettsheimeir (do Bauru). Estes últimos três jogaram a final da NBB.

Teoricamente titular, o armador Larry Taylor, que trocou Bauru por Mogi, recebeu uma folga ainda maior e só vai precisar se apresentar no próximo dia 24, liberado para resolver problemas pessoais. Outro que esteve na final do NBB, Ricardo Fischer, de Bauru, já está com o grupo que treina em São Paulo, no Paulistano.

O Brasil vai ao Pan com um time misto, desfalcado de Nenê, Anderson Varejão, Tiago Splitter, Leandrinho, Marquinhos, Alex e Marcelinho Huertas, além de Bruno Caboclo e Lucas Bebê, que pediram para não ser convocados para brigarem por espaço nas Ligas de Verão da NBA.

Assim, os 12 jogadores convocados para o Pan tentam convencer o técnico Rubén Magnano a continuar com o grupo para a disputa da Copa América, que também vai valer como Pré-Olímpico. Já se apresentaram o armador Rafael Luz, Léo Meindl, Marcus, Rafael Mineiro e Gerson. A equipe treina até o sábado no Paulistano. Depois, fica 20 dias trabalhando no ginásio do Sírio, também na capital paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.