Craig Mitchelldyer/AP
Craig Mitchelldyer/AP

Blazers batem Nuggets na quarta prorrogação e Bucks abrem 2 a 1 sobre os Celtics

Ala-armador CJ McCollum terminou a noite como o grande destaque com 41 pontos, sendo 28 no terceiro quarto

Redação, Estadão Conteúdo

04 de maio de 2019 | 08h46

Em um duelo que já entrou para a história dos playoffs da NBA, o Portland Trail Blazers superou o Denver Nuggets por 140 a 137, em casa, na noite de sexta-feira, em um confronto que foi decidido apenas na quarta prorrogação. Assim, a equipe do Oregon abriu 2 a 1 na série melhor de sete jogos das semifinais da Conferência Oeste.

CJ McCollum igualou a sua maior produção ofensiva em uma partida dos playoffs ao marcar 41 pontos pelos Blazers. E Rodney Hood acertou um arremesso de 3 pontos a 18s6 do fim do duelo, apenas o segundo confronto da história que teve quatro prorrogações na pós-temporada da NBA - o outro havia ocorrido em 1953, em um jogo entre Boston Celtics e Syracuse Nationals, franquia que depois se transformaria no Philadelphia 76ers.

Dos seus 41 pontos, McCollum marcou 28 pontos depois do terceiro quarto, enquanto Damian Lillard acrescentou 28 para o Portland em todo o duelo. Já Hood, além da cesta de três, foi decisivo na última prorrogação ao marcar sete pontos. Enes Kanter brilhou no garrafão com 15 pontos e ainda marcou 18 pontos. Assim, os Blazers passaram a somar 12 vitórias consecutivas como mandante, o que inclui compromissos da temporada regular da NBA e o mantém invicto nos playoffs em seu ginásio.

Jamal Murray marcou 34 pontos e Nikola Jokic registrou seu terceiro "triple-double" nos playoffs com 33 pontos, 18 rebotes e 14 assistências, mas perdeu um lance livre crucial com 5s6 para o fim da quarta prorrogação de um duelo em que ficou por 65 minutos em quadra pelos Nuggets. O time será mandante do quarto confronto da série, marcado para este domingo.

Também na noite de sexta-feira, o Milwaukee Bucks abriu 2 a 1 no duelo com o Boston Celtics pelas semifinais da Conferência Leste ao derrotá-lo por 123 a 116, fora de casa. Giannis Antetokounmpo liderou o triunfo do seu time ao marcar 32 pontos, capturar 13 rebotes e distribuir oito assistências.

Antetokounmpo fez apenas 13 disparos de quadra, tendo acertado oito, mas converteu 16 de 22 tiros livres. Assim, incluindo os dois jogos da temporada regular, o grego sempre anotou aos menos 30 pontos quando atuou no TD Garden neste campeonato. George Hill terminou o duelo com 21 pontos e Khris Middleton acrescentou 20 pelos Bucks.

Kyrie Irving marcou 29 pontos e deu seis assistências. Já Jayson Tatum fez 20 para os Celtics, que serão mandante do Jogo 4 da série, marcado para segunda-feira.

Neste sábado, os playoffs da NBA prosseguem com o terceiro duelo da semifinal da Conferência Oeste entre Houston Rockets e Golden State Warriors. Mandante, o time texano busca o primeiro triunfo após perder os dois primeiros confrontos da série.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.