Divulgação
Divulgação

Brasil comemora vaga olímpica no basquete vencendo a Argentina

Seleção leva título de torneio amistoso com vitória por 67 a 61

Estadão Conteúdo

09 Agosto 2015 | 12h57

Poucas horas depois de a Federação Internacional de Basquete (Fiba) anunciar o convite para que o Brasil, como país-sede, dispute os Jogos Olímpicos do Rio, a seleção brasileira masculina entrou em quadra em Brasília para o fechamento de triangular amistoso e venceu a Argentina por 67 a 61, faturando o título do evento.

A confirmação da vaga ao Brasil na Olimpíada fez com que o time passe a ver o Pré-Olímpico das Américas, que começa no próximo dia 31, com outros olhos. Vai competir na Cidade do México sem a obrigação de chegar à final e o técnico Ruben Magnano poderá aproveitar o torneio, também válido como Copa América, para fazer testes. Isso significa que o time que irá à Cidade do México deverá ser o mesmo que enfrentou Argentina e Uruguai em Brasília, sem a necessidade de convocar os jogadores da NBA e os veteranos poupados nesta temporada: Alex e Huertas.

 

Bom para Vitor Benite, que segue mostrando seu valor. Voltou a comandar o time, assim como fez no Pan de Toronto, para fechar a partida como cestinha do jogo, com 18 pontos. O armador Rafael Luz colaborou com 11 pontos, sete rebotes e cinco assistências.

No garrafão, a Argentina contou com o sempre algoz Luis Scola, que fez 17 pontos e pegou 12 rebotes. Mas os brasileiros estiveram bem. JP Batista fez um ''double-double'' de 10 pontos e 12 rebotes, enquanto Augusto Lima somou 10 pontos.

O resultado, de forma geral, mostrou a força do basquete brasileiro, que vive bom momento. Depois de uma vitória suada sobre o Uruguai, após duas prorrogações, o time reserva do Brasil ganhou da seleção mistas da Argentina, que contou com Andres Nocioni, Laprovittola e Scola.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.