Brasil e Nova Zelândia se encaram pela 2ª vez no basquete

Brasil e Nova Zelândia voltam a se enfrentar nesta terça-feira, no Ginásio da ASCEB, em Brasília, em mais um amistoso de preparação para o Mundial Masculino de Basquete, que começa dia 19 de agosto, no Japão. No domingo, no Rio, as duas seleções fizeram o primeiro dos quatro confrontos programados e os brasileiros venceram por 105 a 89. O jogo desta terça-feira começa às 18 horas (horário de Brasília) e terá transmissão ao vivo da SporTV. Depois, Brasil e Nova Zelândia irão fazer mais dois amistosos: na quinta, em Rio Claro (SP), e na sexta, em São Paulo. Apesar de ser o começo da preparação para o Mundial e de estar desfalcada dos pivôs Nenê e Baby - ambos pediram dispensa -, a seleção brasileira foi bem no primeiro amistoso contra a Nova Zelândia. Liderado pelo armador Leandrinho, o time esteve sempre na frente do placar e terminou o jogo com boa vantagem. "A Nova Zelândia é uma seleção forte, foi quarto lugar no último Mundial e está evoluindo bastante. É um adversário de alto nível, que exige muito da gente", disse o pivô Thiago Splitter, um dos 5 titulares do técnico Lula Ferreira, ao lado de Leandrinho, Marcelinho, Guilherme e Anderson Varejão. "Eles têm um estilo de jogo bem diferente do brasileiro, o que é ótimo para a nossa preparação. Esses amistosos são muito importantes para adquirir ritmo e entrosamento até o Mundial". Depois dos amistosos com a Nova Zelândia, a preparação brasileira continua com torneios na Argentina e na China. A estréia no Mundial será no dia 19 de agosto, contra a Austrália. Na seqüência, pelo Grupo C do campeonato, o Brasil vai jogar com Catar (dia 20), Turquia (22), Grécia (23) e Lituânia (24).

Agencia Estado,

25 Julho 2006 | 08h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.