Brasil encara a República Checa nas quartas do Mundial

Os jogos desta segunda-feira definiram o cruzamento das quartas-de-final do Mundial feminino de basquete, que está sendo disputado em São Paulo e Barueri. Brasil, República Checa, Austrália, França, Espanha, Rússia, Estados Unidos e Lituânia continuam brigando pelo título da competição.Todos os jogos serão realizados nesta quarta-feira, no Ginásio do Ibirapuera. O confronto que abre a rodada será entre Austrália e França. Em seguida, às 15h15, jogam Brasil x República Checa. Os vencedores desses dois jogos se encontram na semifinal. Às 17h30, a Espanha encara a Rússia, e logo depois os Estados Unidos enfrentam a Lituânia. Os ganhadores dessas partidas fazem a outra semifinal.Velhas conhecidasIziane, que jogou na República Checa, conhece cinco jogadoras daseleção que foram campeãs da Euroliga pelo Gambrynus TME Brno (EvaVitecková, Hana Machová, Ivana Vecerová, Jana Veselá e MichalaHartigová). ?É um time que tem um basquete bom, no estilo europeucadenciado, que até encaixa melhor com a gente porque jogamos comvelocidade. É um time muito forte.? Helen e Alessandra advertem para a estatura do time (seis jogadorastêm 1,90 m ou mais). ?É a atual campeã européia, um time muito alto, de jogadoras inteligentes. Mas vamos estudar a equipe e fazer o nosso jogo?, afirma Helen. ?Tem uma defesa forte e chuta bem dos três pontos. É um time muitoalto. Mas isso não importa para nós. Vamos aproveitar a folga paratreinar um pouco e entrar com o pé direito nessa fase de mata-mata?, concluiu a pivô Alessandra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.