Brasil enfrenta Canadá de olho na próxima fase do Mundial

A seleção brasileira feminina de basquete entra em quadra nesta segunda-feira conhecendo o resultado de Espanha e Lituânia, que jogam a preliminar, às 13 horas, pelo Grupo E do Mundial. Se as espanholas vencerem, o Brasil fica em terceiro na chave. E se as lituanas ganharem, termina em segundo. Mas, para isso, o time do técnico Antônio Carlos Barbosa precisa, necessariamente, derrotar o Canadá, a partir das 15h15, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo - Globo, SporTV 2 e ESPN Brasil transmitem ao vivo. Uma combinação improvável de resultados (vitória da Lituânia sobre Espanha, da Argentina sobre a Austrália e do Canadá sobre o Brasil) pode até tirar a seleção brasileira das quartas-de-final da competição. Mas será difícil, pois as canadenses já estão eliminadas. Enquanto isso, a invicta e classificada Austrália não perde mais o primeiro lugar do Grupo E. O problema, depois de garantir a classificação, é conhecer o cruzamento das quartas-de-final, quando as quatro primeiras colocadas do Grupo E vão enfrentar as quatro melhores do F. No Grupo F, o primeiro lugar já é dos Estados Unidos - por isso, é bom o Brasil não ficar na quarta colocação, para evitar o cruzamento com as invictas norte-americanas. República Checa, França, China, Rússia e Cuba disputam as outras três vagas da chave.

Agencia Estado,

18 Setembro 2006 | 08h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.