Brasil erra muito e perde da Espanha no Mundial

A seleção brasileira de basquete feminino mais uma vez decepcionou no Mundial da República Checa. Em partida disputada em Brno neste sábado, a equipe comandada por Carlos Colinas errou muito e não fez frente contra a Espanha: perdeu por 69 a 57, após ser dominada em quase todo o confronto.

AE, Agência Estado

25 de setembro de 2010 | 15h12

Mesmo derrotado, o Brasil garantiu vaga na próxima fase como terceiro colocado do Grupo C. Não deve, entretanto, ter vida fácil na próxima fase. Como carrega os resultados da primeira etapa, chega com duas derrotas e precisa surpreender fortes seleções, como Rússia e República Checa, além do Japão. As partidas começam a ser disputadas a partir de segunda-feira.

Novamente com problemas no ataque, a seleção brasileira falhou muito e facilitou o jogo para as espanholas. Foram ao todo 25 erros, nove a mais do que as adversárias. A Espanha ainda foi eficiente na defesa e terminou com 16 bolas roubadas, contra apenas cinco do Brasil.

Apesar da fraca atuação coletiva, Erika se destacou e fechou com 14 pontos e 13 rebotes, diminuindo o prejuízo brasileiro. Mas a cestinha do jogo foi a espanhola Amaya Valdemoro, com 17 pontos.

Depois das fracas atuações contra Coreia do Sul e Mali, o Brasil começou surpreendendo e equilibrou o primeiro quarto, que terminou empatado por 15 a 15. A partir daí, a Espanha dominou. Terminou o primeiro tempo vencendo por 14 pontos, ampliou a vantagem no terceiro quarto e, com a vitória praticamente assegurada, diminuiu o ritmo no fim. A seleção brasileira ainda ensaiou uma reação e venceu a última parcial por dez pontos, mas o triunfo já era espanhol.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteMundialBrasilEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.