Brasil foca Mundial após avançar na Copa América

Jogadores elogiam atual momento da equipe, mas prega cautela na segunda fase da competição

AE, Agencia Estado

30 de agosto de 2009 | 20h43

Depois de vencer o Panamá por 84 a 64 e assegurar, invicta, classificação para a segunda fase da Copa América, a seleção brasileira quer agora garantir presença no Mundial da Turquia em 2010 - as quatro primeiras seleções da competição continental ficam com a vaga. Para Leandrinho, a equipe precisa esquecer as vitórias para se focar neste objetivo.

Veja também:

especialCOPA AMÉRICA - Leia mais sobre o torneio

linkBrasil vence Panamá e mantém 1.º lugar na Copa América

linkMoncho Monsalve critica ataque do Brasil

"Agora mais do que nunca temos que manter o foco porque teremos quatro jogos consecutivos na segunda fase. Vamos primeiro buscar a classificação para o Mundial e, em seguida, a vaga para a semifinal", afirmou o jogador, ressaltando que a seleção buscará o título da competição.

"É claro que o objetivo é ser campeão da Copa América, mas temos seis partidas até lá. O mais importante é que o trabalho está muito bom, o grupo unido e todo mundo apoiando a gente", garantiu Leandrinho.

Feliz com a vitória sobre o Panamá, o pivô Tiago Splitter elogiou a paciência da equipe na partida deste domingo. "Tivemos paciência nos dois primeiros quartos, já que eles estavam levando vantagem nos rebotes e conseguindo pontuar na segunda bola. A partir do terceiro período, conseguimos controlar o jogo e abrir uma boa vantagem até o final", contou. O Brasil inicia a segunda fase da Copa América contra o México, terça-feira, às 22 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.