Brasil vai enfrentar EUA no basquete

Se voltou a vencer o Canadá, nesta quarta-feira, no Goodwill Games (Jogos da Amizade), como já havia feito na Copa América, agora a seleção brasileira masculina de basquete terá pela frente nada menos que um Dream Team sub-23, a seleção dos Estados Unidos, que levou aos jogos da Austrália, jovens atletas da NBA. O Brasil derrotou o Canadá, na quarta-feira, por 63 a 52 (24 a 34), na última rodada da fase de classificação, em Brisbane. Com o resultado, a renovada seleção brasileira ficou com o segundo lugar no grupo B e enfrentará os Estados Unidos na segunda fase da competição, nesta quinta-feira, às 22h30 (horário de Brasília). Austrália e Argentina fazem a outra partida da rodada. Dificilmente, o Brasil terá vaga na final, tendo pela frente adversários poderosos como os jovens da NBA, a liga profissional norte-americano. "Não é sempre que temos a oportunidade de jogar contra uma equipe como esta dos Estados Unidos. Faremos o melhor, pois é um missão impossível derrotá-los", comentou o técnico brasileiro Hélio Rubens Garcia. No Goodwill Games, os Estados Unidos venceram o México (132 a 58), a Argentina (97 a 67) e nesta quarta-feira, passaram dos 100 pontos contra Cuba (111 a 70). O Brasil ganhou da Austrália (70 a 66), perdeu da Nova Zelândia (84 a 79), que foi eliminada, e venceu o Canadá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.