Thierry Gozzer/ CBB
Thierry Gozzer/ CBB

Brasil vence Chile novamente pelas Eliminatórias do Mundial de basquete e mantém 100% com Gustavinho

Seleção lidera Grupo B ao lado do Uruguai e volta a se reunir em fevereiro de 2022 para novos compromissos

Marcos Antomil, especial para o Estadão

27 de novembro de 2021 | 22h02

O trabalho de Gustavo Conti, o Gustavinho, no comando técnico da seleção brasileira masculina de basquete segue invicto, com 100% de aproveitamento. Disputando o Grupo B das Eliminatórias para a Copa do Mundo, o Brasil bateu o Chile novamente, neste sábado, em Buenos Aires, por 81 a 55.

Um dos destaques do jogo foi Lucas Mariano, ala-pivô do Franca. Ele foi cestinha, assinalando 17 pontos, com quatro rebotes e quatro assistências. A partida mais uma vez se mostrou favorável à seleção desde o início. O Brasil já saltou à frente no placar no primeiro quarto, vencendo por uma margem mínima de 18 a 17.

No segundo quarto, a vantagem brasileira começou a se estabelecer, foram seis pontos a mais que o chilenos, que sentiram a dificuldade da partida e não conseguiram voltar ao patamar do primeiro quarto. Na terceira parte do jogo, o Brasil venceu por 23 a 15 e repetiu os mesmos 23 pontos no último e decisivo quarto, quando o Chile somou 12 pontos.

No primeiro encontro entre as duas seleções, na sexta-feira, o Brasil venceu por 77 a 53. Com os triunfos nas duas partidas, o Brasil começa com o pé direito as Eliminatórias visando o Mundial de 2023, que será disputado em três países: Indonésia, Japão e Filipinas.

O próximo compromisso da seleção brasileira é em fevereiro de 2022. No dia 25, encara a seleção do Uruguai, que também está 100% na competição. Três dias depois, o Brasil enfrenta a Colômbia. Os três primeiros colocados da chave avançam para a próxima fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.