Brasileiro Lucas assina com o Suns

A próxima temporada da NBA terá mais um brasileiro: o pivô Lucas Tischer, 22 anos, 2,06 m e 119 kg, que assinou contrato de dois anos nesta quinta-feira com o Phoenix Suns. Marcelo Maffia, empresário do atleta, declarou: "Não é fácil explicar o contrato, mas é de risco. O Phoenix tem o direito de descartá-lo até 15 de dezembro. Quanto mais ele render e permanecer no time, mais aumentará seu salário."Esse "contrato de risco" também foi assinado pelo ala Alex, que passou pelo San Antonio Spurs, mas teve seguidos problemas de contusão. O pivô não conhece bem o contrato. "Estou pensando só nos treinos, não sei como são as cláusulas. Não vou falar de valores. Já estou treinando aqui nos Estados Unidos há dois meses e meio e não fiquei surpreso com a contratação", disse Lucas, que estava na paranaense Keltek/São José dos Pinhais.Até esta quinta, o jogador estava em Las Vegas fazendo treinamento específico para atletas da NBA. "Estou muito cansado, mas muito satisfeito. Aqui nos Estados Unidos as coisas são bem diferentes do que acontece no Brasil. É tudo profissional demais, os treinos são bem intensos, apesar de durarem só entre uma hora e meia e três horas", analisa.O empresário alerta: "Ele está alucinado, muito feliz, mas sabe que tem muita coisa pela frente, que os problemas estão só começando". Segundo Maffia, o técnico dos Suns, Mike D?Antony, já exigiu que o brasileiro se dedique também fora de quadra. "Aprender inglês será essencial. A maior dificuldade do Lucas é justamente não saber o idioma", concluiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.