Divulgação/Local
Divulgação/Local

Brasília bate Fla na prorrogação e força 5.º jogo no NBB

Equipe da capital federal supera o adversário por 82 a 78 e leva a decisão para o confronto decisivo no Rio

Agencia Estado

21 de junho de 2009 | 15h03

O Universo/Brasília se superou neste domingo para vencer o melhor time da primeira fase do Novo Basquete Brasil (NBB) e forçar o quinto jogo na decisão do título da competição. Jogando em casa, a equipe do Distrito Federal precisou da prorrogação para bater o Flamengo/Cia. do Terno por 82 a 78, empatando a série melhor de cinco partidas por 2 a 2. Agora, o duelo final será no próximo domingo, na Arena da Barra, no Rio de Janeiro.

O equilíbrio, a emoção e os erros marcaram o jogo no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília. No primeiro quarto, o confronto esteve mais aberto e as equipes terminaram empatadas em 22 pontos. Já no segundo período, os dois times reforçaram a defesa, tornando a partida mais truncada. Além disso, os seguidos erros também contribuíram para que o Flamengo fosse para os vestiários vencendo por 34 a 33.

Após o intervalo, o Brasília voltou determinado a conquistar a vitória em casa. Para isso, além de melhorar dentro de quadra, também tinha de suportar a pressão da numerosa torcida do Flamengo no ginásio. Apoiado pela boa atuação do ala Alex, o time da casa manteve a partida equilibrada, enquanto a equipe carioca contava com os pontos decisivos do ala Marcelinho Machado para se manter à frente no placar.

No quarto final, o Flamengo começou vencendo por dois pontos. No entanto, Marcelinho não teve uma boa atuação nos minutos finais e os visitantes permitiram o empate por 70 a 70 há poucos segundos do fim. Ainda houve tempo para que as duas equipes desperdiçassem oportunidades de decidir o jogo, e o confronto permaneceu mesmo empatado. No tempo extra, o Brasília mostrou mais tranquilidade e conquistou a vitória com autoridade.

Alex terminou como cestinha do time vencedor, com 16 pontos. Também pelo Brasília, o pivô Márcio Cipriano anotou um duplo-duplo (dois dígitos em dois fundamentos) de 13 pontos e 14 rebotes. Pelo Flamengo, Marcelinho terminou como melhor pontuador da partida, com 24 pontos. Além do ala, também se destacaram o ala/pivô Jefferson, que fez 15 pontos, e o pivô Baby, autor de 14 pontos e dez rebotes, conseguindo um duplo-duplo.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteNBBBrasíliaFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.