Brasília bate São José e é tricampeão do NBB

Final da Liga Nacional de Basquete em Mogi das Cruzes sagra time do Distrito Federal

AE, Agência Estado

02 Junho 2012 | 12h13

MOGI DAS CRUZES - O Brasília confirmou neste sábado a sua hegemonia no Novo Basquete Brasil (NBB) e conquistou o tricampeonato nacional. Em final realizada em jogo único na cidade de Mogi das Cruzes (SP), a equipe do Distrito Federal foi superior e aproveitou a experiência do seus principais jogadores para derrotar o São José (SP) por 78 a 62.

A conquista deste sábado foi a terceira consecutiva do Brasília em quatro edições do NBB. E em 2009, na primeira vez que o campeonato foi disputado, o time do Distrito Federal também se classificou para a decisão. Naquela oportunidade, porém, foi derrotado pelo Flamengo.

O ala/pivô Guilherme Giovanonni foi o principal responsável pela nova conquista do Brasília ao ser o cestinha da partida com 26 pontos. Ele ainda obteve sete rebotes na decisão, disputada exatamente no dia em que completou 32 anos.

"Tenho que agradecer aos meus companheiros, porque foi o melhor presente de aniversário que poderia ganhar. Foi um jogo difícil e tenho que dar os parabéns ao São José, que fez um excelente campeonato. Mas hoje tivemos um dia feliz", comemorou, em entrevista à TV Globo.

Alex também se destacou na decisão ao anotar 15 pontos e obter 11 rebotes para o Brasília. Já Murilo fez 20 pontos e conseguiu 14 rebotes, mas não conseguiu impedir a derrota do São José.

O início do jogo em Mogi das Cruzes foi nervoso e o Brasília, que conta com jogadores mais experientes, abriu 10 a 0. O São José, porém, tentou reagir, e terminou o primeiro quarto com uma desvantagem de oito pontos (18 a 10). O segundo período foi mais equilibrado, com muitos erros das equipes. O São José apostou nos arremessos de três pontos para equilibrar o duelo e foi ao intervalo perdendo por 33 a 28 para o Brasília.

No terceiro quarto, porém, o time do Distrito Federal se impôs. Com forte marcação, permitiu que o São José fizesse apenas 10 pontos e iniciou o último quarto com uma vantagem de 14 pontos - 53 a 39. Assim, o Brasília precisou apenas administrar o duelo para garantir o tricampeonato do NBB com o triunfo por 78 a 62.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.