Brasília vence Flamengo e segue na liderança

Com a vitória por 81 a 73, time do Distrito Federal chega ao seu 12.º triunfo no campeonato

AE, Agencia Estado

31 de janeiro de 2010 | 14h04

O Universo/BRB/Financeira Brasília voltou a vencer neste domingo e terminou o primeiro turno no Novo Basquete Brasil na liderança. Fora de casa, a equipe derrotou o Flamengo por 81 a 73, na repetição da final do último torneio.

O Brasília terminou o primeiro turno com 12 vitórias e apenas uma derrota. O Flamengo ainda tem mais um jogo para disputar no turno, diante do Paulistano/Amil, e tem oito vitórias e quatro derrotas.

O pivô Guilherme Giovannoni foi o cestinha da partida com 21 pontos. Já o ala Marcelinho foi o principal jogador do Flamengo, com 21 pontos e 12 rebotes. O time carioca, porém, sofreu com as ausências do armador Hélio e do pivô Coloneze, ambos contundidos.

O Pitágoras/Minas reassumiu a vice-liderança do NBB ao vencer o São José/Unimed/Vinac, por 89 a 86, em casa. Os mineiros encerraram o primeiro turno da competição com nove vitórias em 13 jogos. Essa foi a sexta derrota do São José, que ainda tem algumas partidas adiadas para disputar no turno.

No triunfo, o Minas foi liderado pelo armador argentino Sucatzky, que terminou o jogo com 10 pontos e 14 assistências. O cestinha da partida foi o armador Fúlvio, do São José, com 25 pontos.

O Ciser/Araldite/Joinville venceu o Vila Velha/Cetaf/Garoto/UVV, fora de casa, por 81 a 70. O time de Santa Catarina está na terceira colocação e terminou o primeiro turno do NBB, com nove vitórias em 12 jogos. O destaque dos catarinenses foi o pivô Tiagão, com 16 pontos e 12 rebotes.

O GRSA/Itabom/Bauru superou o Pinheiros/SKY, por 103 a 83. A vitória levou o time do interior paulista à oitava posição no campeonato. O pivô Ricardo, 25 pontos, foi o destaque do triunfo.

O Campos do Conde/Sercomtel/Londrina superou o Guaraná Antártica/Vitória/Saldanha, por 68 a 64. O ala Fernando Mineiros foi o cestinha da partida, com 23 pontos. Roberto, ala/pivô do Saldanha, fez 14 pontos e pegou dez rebotes.

O Paulistano/Amil bateu o Assis Basket, na prorrogação, por 86 a 84. O pivô Zillmer, com 21 pontos, e Felipe, com 15 pontos e dez rebotes, foram os destaques do time da capital paulista.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteNBBBrasíliaFlamengoMinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.