Troy Taormina/USA Today Sports
Troy Taormina/USA Today Sports

Carmelo Anthony é oficializado nos Bulls, mas não deverá ser usado

Ala deve ser dispensado pelo Chicago para se tornar agente livre na NBA

Redação, Estadão Conteúdo

22 de janeiro de 2019 | 23h59

Houston Rockets e Chicago Bulls finalizaram nesta terça-feira os últimos detalhes do acordo e oficializaram uma troca que envia o veterano para o time de Illinois, embora não haja pretensão em aproveitá-lo na sequência da temporada 2018/2019 da NBA.

Na transação, os Bulls também adquiriram os direitos no Draft de Jon Diebler e recebeu uma quantia financeira em troca dos direitos sobre o sérvio Tadija Dragicevic, que agora estão com os Rockets.

Os Bulls não planejam colocar Anthony em quadra e devem dispensá-lo, o levando a se tornar um agente livre.

Anthony teve média de 13,4 pontos em dez jogos com os Rockets, mas não atua desde 8 de novembro, ampliando a sua fase de pouco aproveitamento em quadra. Ele foi trocado em julho do Oklahoma City Thunder com o Atlanta, um movimento que precedeu sua liberação dos Hawks para assinar com os Rockets. Os Bulls são, portanto, tecnicamente a quarta franquia dele em sete meses.

Hoje em baixa, Anthony foi a terceira seleção do Draft de 2003, que ficou marcado por revelar uma geração de estrelas, que incluiu LeBron James (primeira seleção), Chris Bosh quarta) e Dwyane Wade (quinta). Ele tem médias de 24 pontos e 6,5 rebotes por jogo na sua carreira.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.