Tim Fuller/USA Today Sports
Tim Fuller/USA Today Sports

Cavaliers bate o Pistons e LeBron supera 26 mil pontos na carreira

Astro é o jogador mais jovem a atingir marca na NBA

Estadão Conteúdo

30 de janeiro de 2016 | 08h48

O Cleveland Cavaliers contou com mais uma boa atuação de LeBron James para derrotar o Detroit Pistons na noite de sexta-feira por 114 a 106, mesmo fora de casa, e chegar à terceira vitória consecutiva. Os 20 pontos marcados na partida levaram o astro a mais uma marca bastante expressiva na carreira, a de 26 mil pontos na NBA.

LeBron se tornou o mais jovem da história a ultrapassar este número, com 31 anos e 30 dias. O jogador também entrou no top 20 de maiores assistentes da história da liga. Com as oito assistências de sexta-feira, ultrapassou Derek Harper na 20.ª posição, provando mais uma vez a versatilidade de seu jogo.

Mas quem conduziu de fato o Cavaliers à vitória diante do Pistons foi Kevin Love, autor de 29 pontos, e Kyrie Irving, que marcou 28. Anderson Varejão sequer deixou o banco de reservas, por opção do treinador. Foi o 33.º triunfo do Cleveland, líder da Conferência Leste, contra 25 do Detroit, sétimo colocado, que teve em Andre Drummond mais uma vez o seu destaque, com 20 pontos e oito rebotes.

Também em confronto de duas equipes que devem ir para os playoffs, mas pela Conferência Oeste, o Oklahoma City Thunder derrotou o Houston Rockets por 116 a 108, em casa, e chegou a 36 vitórias na temporada, na terceira posição. O Rockets é o sétimo, com 25.

Como de costume, Russell Westbrook e Kevin Durant conduziram o triunfo. Westbrook somou mais um "triple-double" na temporada, com 26 pontos, 14 assistências e 10 rebotes, enquanto Durant foi o cestinha do jogo, ao lado de James Harden, com 33 pontos. Ele ainda pegou 12 rebotes.

Ainda pela Conferência Oeste, no clássico de Los Angeles mais uma vez deu a lógica. Nova potência da cidade, o Clippers não teve maiores dificuldades para superar o combalido Lakers por 105 a 93. Foi o 31.º triunfo da equipe, quarta colocada, contra somente nove do Lakers, que segue como pior time do Oeste.

Ainda sem Blake Griffin, que se recupera de uma fratura na mão após briga com funcionário do Clippers, Chris Paul comandou a vitória com 27 pontos. Ele teve boa ajuda do banco, com 17 pontos de Austin Rivers, 16 de Lance Stephenson e 15 de Jamal Crawford. Pelo Lakers, Julius Randle foi o destaque, com 23 pontos, e Marcelinho Huertas sequer saiu do banco.

Quem atuou, e bem, na sexta-feira foi Raulzinho. O armador mais uma vez foi titular, jogou por 25 minutos e deixou a quadra com nove pontos e seis assistências na vitória de seu Utah Jazz sobre o Minnesota Timberwolves por 103 a 90. O cestinha foi o calouro do Timberwolves Karl-Anthony Towns, com 32 pontos, além de 12 rebotes.

Confira os resultados de sexta-feira na NBA:

Boston Celtics 113 x 94 Orlando Magic

Detroit Pistons 106 x 114 Cleveland Cavaliers

New York Knicks 102 x 84 Phoenix Suns

Oklahoma City Thunder 116 x 108 Houston Rockets

Milwaukee Bucks 103 x 107 Miami Heat

Dallas Mavericks 91 x 79 Brooklyn Nets

Utah Jazz 103 x 90 Minnesota Timberwolves

Portland Trail Blazers 109 x 91 Charlotte Hornets

Los Angeles Clippers 105 x 93 Los Angeles Lakers

Acompanhe as partidas da NBA neste sábado:

Philadelphia 76ers x Golden State Warriors

Toronto Raptors x Detroit Pistons

Indiana Pacers x Denver Nuggets

New Orleans Pelicans x Brooklyn Nets

Houston Rockets x Washington Wizards

Memphis Grizzlies x Sacramento Kings

Cleveland Cavaliers x San Antonio Spurs

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.