CBB anuncia espanhol Monsalve como técnico da seleção masculina

A Confederação Brasileira de Basqueteanunciou nesta sexta-feira a contratação do espanhol JuanManuel "Moncho" Monsalve para dirigir a seleção masculina quetentará a classificação para a Olimpíada de Pequim noPré-Olímpico Mundial marcado para julho, na Grécia. Monsalve, que é membro do Gabinete Técnico da FederaçãoEspanhola, dirigiu principalmente equipes da Espanha, além dasseleções principais da República Dominicana, Tunísia e Suíça.Ele também já comandou a seleção B da Espanha e a equipe sub-21de Marrocos. "O Moncho Monsalve é um técnico qualificado, comconhecimento internacional e apreciador do jogo solidário e doconceito de equipe. Conhece bem o nosso estilo e jogadores",disse o presidente da CBB, Gerasime Grego Bozikis, segundocomunicado. Grego, que fez questão de lembrar que Monsalve trabalha nafederação da Espanha, atual campeã mundial de basquete,estipulou metas altas para o substituto de Lula Ferreira,apesar do recente histórico da equipe masculina, que não obtevevaga para as duas últimas edições dos Jogos Olímpicos e tambémnão garantiu lugar em Pequim no Pré-Olímpico das Américas,realizado no ano passado. "O Moncho vem dirigir a equipe do Brasil com o objetivoúnico de nos classificar para a Olimpíada. Depois, quandochegarmos em Pequim, iremos buscar uma medalha olímpica",afirmou o dirigente. O novo comandante do time brasileiro fez coro à confiançaexpressada por Grego, que está à frente da CBB há mais de 10anos. "Com respeito, generosidade e confiança, além do talentodo time, podemos formar um grupo capaz de garantir a vaga nosJogos Olímpicos de Pequim", disse. Monsalve apontou Grécia, Croácia, Eslovênia e Alemanha comoprincipais adversários do Brasil na briga pelas últimas trêsvagas em Pequim. Angola, Argentina, Austrália, China, Irã,Lituânia, Rússia, Espanha e Estados Unidos já garantiram vaganos Jogos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.