CBB inclui 6 times e muda formato do Nacional de Basquete

Para cumprir decisão judicial, a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) alterou a fórmula do Campeonato Nacional Masculino, que já está na fase de oitavas-de-final. Assim, a entidade acertou nesta sexta-feira a inclusão de 6 novas equipes na competição: Telemar (RJ), Araraquara (SP), Limeira (SP), Ulbra (RS), Grajaú Country (RJ) e Keltek Basketball (PR).A decisão de mudar o campeonato foi tomada nesta sexta-feira, em reunião com todos as equipes participantes, na sede da Federação Paulista de Basquete, em São Paulo. A CBB foi obrigada a atender determinação da juíza Maria Luiza Niederauer, da 46ª Vara Cível do Rio de Janeiro. Ela concedeu liminar ao time da Telemar, que reivindicava o direito de disputar o Nacional.Apesar de terem direito de disputar o Nacional, essas equipes não entraram no campeonato por determinação da CBB, por estarem participando também da liga independente Nossa Liga de Basquete (NLB). Mas conseguiram a vitória na Justiça, provocando a paralisação da competição até que fossem incluídos.Assim, essa 6 equipes vão formar o novo grupo C do campeonato. Elas irão jogar entre si, em turno e returno, classificando as 4 primeiras colocadas para os playoffs, que serão disputados em melhor-de-cinco partidas. Desses confrontos, saem dois times para a fase final.Enquanto isso, as equipes que já disputavam o campeonato seguem o que estava previsto, com a realização das oitavas-de-final. Depois, acontecem as quartas-de-final. E, quando sobrarem apenas 4 times, eles se juntam aos outros 2 que vieram do grupo C.Aí, com os 4 times que já estavam no campeonato e 2 novos, será disputado um hexagonal final, em sede única, para definir o campeão do Nacional Masculino de Basquete de 2006."Mais uma vez, quero esclarecer que a CBB em nenhum momento restringiu a participação de um clube no Campeonato Nacional", defendeu-se o presidente da CBB, Gerasime Grego Bozikis, que estava ameaçado de prisão caso não cumprisse a decisão judicial. "Esse novo formato é uma oportunidade para que todos os clubes joguem e disputem o título. Chegou o grande momento de união entre todas as partes em prol do basquete brasileiro."

Agencia Estado,

07 de abril de 2006 | 17h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.