Claudinha volta à seleçao de basquete

O retorno da armadora Claudinha, de 30 anos, foi a principal novidade da lista de 23 jogadoras convocadas nesta quinta-feira para a seleção brasileira feminina de basquete. Apesar do "reforço", por causa de contusões, o técnico Antonio Carlos Barbosa já tem a certeza de que não poderá contar com pelo menos seis jogadoras para a disputa do Sul-Americano da Colômbia, entre os dias 6 e 12 de julho. Já a ala Janeth e a ala/armadora Iziane não têm previsão para se integrarem à delegação porque estão disputando a Liga de Basquete Norte-Americana (WNBA).Após a disputa do Mundial da China de 2002, Claudinha, do Montpellier, da França pediu dispensa da seleção "por achar que seu ciclo estava encerrado". Na época, cogitou-se que a saída da armadora estava ligada a sua discordância com os métodos de trabalho de Barbosa."Claudinha me disse que seu ciclo estava encerrado na seleção. Mas durante esses anos insisti para que voltasse. No final de 2004, conversarmos e ela se mostrou disposta a retornar", disse Barbosa."A trouxe para a seleção em 1998, para a disputa do Mundial da Alemanha e nos damos muito bem." Apesar reconciliação com a equipe, Claudinha, medalhista de bronze na Olimpíada de Sydney, não deverá estar de volta à seleção já no Sul-Americano, onde a seleção vai tentar o décimo título consecutivo para totalizar 20. Assim como ela, a armadora Adrianinha, as pivôs Kelly, Cíntia Tuiú, Érika e Alessandra estão contundidas.A convocação realizada nesta quinta-feira por Barbosa tem por objetivo a disputa de seis competições neste ano. Além do Sul-Americano, a seleção participará de Jogos Internacionais na Itália e Grécia, de 1º a 14 de agosto; Jogos desafios, em São Paulo, de 20 a 22 de agosto; Copa Eletrobrás, no Rio, de 25 a 27 de agosto; Novos Jogos Desafios, em Amapá e Distrito Federal, de 30 de agosto a 1º de setembro e o Pré-Mundial, na República Dominicana, de 14 de setembro a 18 de setembro."É o início de um ciclo olímpico e a continuação de um trabalho de renovação. Trouxe atletas novas para combinar com uma base já formada de oito jogadoras (as armadoras Adrianinha e Helen, Iziane, Janeth, as pivôs Érika, Kelly, Cíntia Tuiú e Alessandra)", explicou Barbosa, que montou a seleção com uma média etária de 26 anos e de altura 1,84m."Algumas jogadoras estão pela primeira vez na equipe adulta como a Ana Flávia, Graziane e Flávia Luiza, vice-campeãs mundiais Sub-21. Além de Palmira, revelação do Campeonato Paulista, Tayara, destaque do Paulista, e Ísis, que tem uma altura privilegiada (2,02m).Veja a lista de convocadas: Armadoras:Helen (Barcelona - Espanha).Adrianinha (Penta Faenza - Itália).Claudinha (Montpellier - França).Alas/Armadoras: Lílian (Unimed/Ourinhos - SP).Iziane (Seattle Storm - WNBA).Vivian (São Caetano - SP).Ana Flávia Sackis (Unimar/Marília - SP).Alas: Silvia (Ribeirão Preto/Clube Verdade - SP).Janeth Arcain (Houston Comets - WNBA).Tayara Pesenti (Ribeirão Preto/Clube Verdade - SP).Chuca (Unimed/Ourinhos SP).Micaela (Pool Comense - Itália).Palmira (Unimed/Ourinhos -SP).Pivôs:Isis Nascimento (Unimed/Ourinhos - SP).Alessandra (Umana Venezia - Itália).Érika (Barcelona - Espanha).Cíntia Tuiú (Família Schio - Itália).Mamá (Mondeville - França).Kelly (C.U.S. Chieti - Itália).Graziane Coelho (Penta Faenza - Itália).Zaine (Umana Venezia - Itália).Ega (Unimed/Ourinhos - SP).Flávia Luiza (Terra Srada Alghero - Itália).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.