Com Iziane na lista, Zanon convoca Brasil para Pré-Olímpico de basquete

O técnico da seleção brasileira feminina de basquete, Luiz Augusto Zanon, anunciou nesta quinta-feira a lista de convocadas para a Copa América, que será realizada em Edmonton, no Canadá, e que também é conhecido como Pré-Olímpico das Américas. A principal novidade da lista de convocadas é a ala Iziane.

Estadão Conteúdo

23 de julho de 2015 | 11h41

Iziane não disputa partidas oficiais pela seleção brasileira desde 2012, quando foi cortada durante a preparação para a Olimpíada de Londres em razão de problemas disciplinares - neste ano, ela já havia sido chamada para um período de treinos. Mas agora ela voltou a ser convocada para uma competição e é uma das novidades da relação de 12 nomes divulgada por Zanon.

"Depois do Pan sentimos a necessidade de reforçar o grupo para a disputa da Copa América. O retorno da Iziane é uma sequência do trabalho que planejamos para esta competição. É o retorno de um planejamento realizado há um mês depois do período de preparação em que ela esteve conosco em Campinas (SP). Precisávamos de uma jogadora neste setor. Ela possui um bom potencial e é uma grande oportunidade de uma volta à Seleção Brasileira", explicou Zanon.

Após o Brasil terminar o torneio de basquete feminino dos Jogos Pan-Americanos em quarto lugar, o treinador optou por fazer algumas mudanças na seleção. E o treinador convocou a pivô Nádia Colhado, que está sem contrato com o Atlanta Dream, da WNBA, a liga norte-americana de basquete, e a jovem armadora Izabela Nicoleti, que completará 16 anos em 9 de agosto. A equipe, porém, segue sem contar com Érika, Damiris e Clarissa, que atuam na WNBA, assim como aconteceu no Pan.

"Já a Nádia estava sem contrato, então estava disponível para defender o Brasil na Copa América. Ainda mais na posição de pivô que é um setor muito carente com as outras jogadoras da posição disputando a WNBA. E finalizamos a oportunidade de avaliação de uma jogadora nova que teve um excelente desempenho na Copa América Sub-16. A armadora Izabela Nicoletti é uma atleta de futuro dentro do processo de reformulação", completou o treinador.

A apresentação das jogadoras está marcada para o próximo domingo, em São Sebastião do Paraíso (MG), onde o Brasil disputará jogos-treino contra a seleção do Chile. Já em Edmonton, a equipe vai ser testada contra as anfitriãs canadenses antes do início do torneio.

"Realizaremos dois ou três jogos-treinos contra a seleção do Chile. Serão partidas importantes para a avaliação do grupo depois da incorporação de três novas jogadoras. Em Edmonton, o Canadá também nos convidou para um treino, mas ainda sem data confirmada. Jogaremos uma competição onde todas as equipes querem a vaga na Olimpíada do Rio em 2016. Com certeza, será um campeonato bastante equilibrado com o Canadá, time da casa, como favorito", concluiu Zanon.

O Brasil está no Grupo B da Copa América, ao lado de Argentina, Equador, Venezuela e Ilhas Virgens. A estreia será contra as argentinas em 9 de agosto. Depois, as brasileiras vão encarar Equador (dia 11), Ilhas Virgens (12) e Venezuela (13).

As duas melhores seleções se classificam para as semifinais, com o campeão garantindo vaga nos Jogos do Rio. Os outros semifinalistas se classificam para o Pré-Olímpico Mundial, que será realizado em de junho de 2016. Campeão mundial, os Estados Unidos já estão garantidos na Olimpíada e não vão disputar o torneio em Edmonton.

O Brasil, porém, pode não precisar de conquistar uma vaga nos Jogos do Rio através de competições classificatórias. O País aguarda a definição de um impasse com a Federação Internacional de Basquete envolvendo o não pagamento da dívida originária ao convite da seleção masculina para o Mundial de 2014. A entidade pode lhe ceder vagas como país-sede.

Confira a lista de convocadas do Brasil para a Copa América:

Débora, 23 anos, armadora do América (PE)

Gilmara, 34 anos, pivô do Americana (SP)

Isabela Ramona, 21 anos, ala do São José (SP)

Izabela Nicoletti, 15 anos, armadora do Carolina Waves (Estados Unidos)

Izabella Sangalli, 20 anos, ala do Americana (SP)

Iziane, 33 anos, ala do Maranhão Basquete (MA)

Jaqueline, 29 anos, ala do Santo André (SP)

Karina, 29 anos, pivô do São José (SP)

Kelly, 35 anos, pivô do América (PE)

Nádia Colhado, 26 anos, pivô do Atlanta Dream (Estados Unidos)

Patrícia, 24 anos, ala do São José (SP)

Tainá, 23 anos, armadora do América (PE)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.