David Maxwell/EFE
David Maxwell/EFE

Com Varejão discreto, Cavaliers perde para o Nets

Franquia foi derrotada por 95 a 87 e viu encerrada sua série de três vitórias consecutivas na NBA

AE, Agência Estado

11 de novembro de 2010 | 10h04

O New Jersey Nets venceu o Cleveland Cavaliers no confronto da noite da última quarta-feira, por 95 a 87, pela NBA, se vingando da derrota sofrida na última terça para o próprio Cavaliers, por 93 a 91. Além disso, o Nets encerrou uma série de três vitórias consecutivas da equipe de Anderson Varejão.

O brasileiro, aliás, teve um desempenho discreto, conseguindo apenas oito pontos e cinco rebotes. O principal destaque do time de Cleveland foi o ala-pivô JJ Hickson, com 15 pontos e seis rebotes. Ele foi auxiliado por Antawn Jamison, que anotou 14 pontos e nove rebotes.

Mas o cestinha da partida estava do lado de New Jersey. O armador Devin Harris marcou 31 pontos, além de ter dado nove assistências. O ala-pivô Kris Humphries também se destacou e anotou um double-double, com 13 pontos e 18 rebotes.

Outro brasileiro que foi à quadra na última quarta foi Tiago Splitter. Ele atuou por 16 minutos e ajudou o San Antonio Spurs a vencer o Los Angeles Clippers, sem dificuldade, por 107 a 95, marcando seis pontos e pegando quatro rebotes.

O ala Richard Jefferson e o ala-armador Manu Ginóbili, ambos do Spurs, foram os cestinhas da partida, com 22 pontos cada. Pelo lado do Clippers, Rasual Butler foi o destaque, marcando 18.

O último brasileiro que deveria atuar na rodada seria Leandrinho. No entanto, o ala-armador sentiu uma lesão no ombro e não pode ajudar o seu Toronto Raptors na derrota para o Charlotte Bobcats, por 101 a 96.

Ainda na última quarta, o Utah Jazz conseguiu mais uma grande vitória, sobre o Orlando Magic, fora de casa, por 104 a 94. Após obter duas viradas consecutivas incríveis, contra Los Angeles Clippers e Miami Heat, quando estava perdendo por 18 e 22 pontos, respectivamente, a equipe de Utah conseguiu se recuperar e bater o Magic, após estar 18 pontos atrás no marcador.

O principal jogador do confronto foi o armador Deron Williams. Ele anotou 30 pontos, sendo 22 no segundo tempo, além de ter distribuído 14 assistências. Do lado de Orlando, o cestinha foi o veterano Vince Carter, com 20 pontos.

Na vitória do Washington Wizards sobre o Houston Rockets, por 98 a 91, o destaque ficou por conta do calouro John Wall. Com 19 pontos, 13 assistências e 10 rebotes, o armador do Wizards se tornou o terceiro jogador mais jovem a conseguir um triple-double na história da NBA.

Com 20 anos e 65 dias de vida, Wall ficou atrás apenas de LeBron James, que anotou seu primeiro com 20 anos e 20 dias, na temporada 2004-2005, e Lamar Odom, que tinha 20 anos e 54 dias, na temporada 1999-2000.

Confira os resultados desta quarta-feira na NBA:

Atlante Hawks 91 x 108 Milwaukee Bucks

Orlando Magic 94 x 104 Utah Jazz

Washington Wizards 98 x 91 Houston Rockets

Toronto Raptors 96 x 101 Charlotte Bobcats

Cleveland Cavaliers 87 x 95 New Jersey Nets

New York Knicks 117 x 122 Golden State Warriors

Oklahoma City Thunder 109 x 103 Philadelphia 76ers

Memphis Grizzlies 91 x 106 Dallas Mavericks

San Antonio Spurs 107 x 95 Los Angeles Clippers

Sacramento Kings 89 x 98 Minnesota Timberwolves

Confira os jogos desta quinta-feira:

Chicago Bulls x Golden State Warriors

Miami Heat x Boston Celtics

Denver Nuggets x Los Angeles Lakers

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.