Guillaume Souvant/ AFP
Guillaume Souvant/ AFP

Jogador de basquete de 2,22m faz sucesso no TikTok com vídeos sobre perrengues da altura

Vincent Pourchot reúne mais de 1 milhão de fãs nas redes sociais com vídeos bem-humorados sobre dificuldades causadas por diferenças físicas; francês que media 1,80m aos oito anos tem recebido o carinho dos novos fãs e até mensagem positivas de ajuda contra bullying

Marcos Antomil, especial para o Estadão

25 de abril de 2022 | 15h00

Altura não é a única característica capaz de mensurar a qualidade de um jogador de basquete. Mas é notório que ser alto dá boas vantagens para quem quer se dedicar à modalidade. No cotidiano, a situação se inverte. Sentar em uma poltrona de avião ou metrô, passar pelas portas, conectar o carregador de celular na tomada... são inúmeras ocasiões em que ter mais de 2 metros de altura pode atrapalhar. O francês Vincent Pourchot, de 29 anos, é jogador de basquete profissional e mede 2,22m.

O atleta transformou a adversidade em inteligentes esquetes humorísticas que fazem dele um grande sucesso no TikTok. Ele tem 1,4 milhão de seguidores na plataforma de vídeos e soma mais de 13 milhões de curtidas.

"A idade em que percebi que era alto foi quando eu estava na escola primária. Eu tinha oito anos e media 1,80m de altura", contou Pourchot à AFP. Aos 12 anos, o francês já tinha 2 metros de altura. Médicos chegaram a orientar que Vincent tomasse remédios para retardar seu crescimento, mas o interesse pelo basquete falou mais alto.

@vincentpourchot

J’espère que vous avez kiffé les avantages et que vous avez envie d’être Grand d’ailleurs tu mesures combien toi ? Je suis encore en train de mettre ma porte quelqu’un viens m’aidez ♬ A la folie - Francky Vincent

O início da pandemia do novo coronavírus fez disparar o número de acessos ao TikTok, atletas do mundo todo - como o jogador de futebol polonês Robert Lewandowski, eleito o melhor do mundo pela Fifa - se aventuraram nas redes sociais e começaram a gravar vídeos com danças e peças bem-humoradas. Pourchot seguiu o mesmo ritmo e fez um teste, ainda em março de 2020.

"Arrisquei durante o isolamento social. Uma noite, me filmei dançando para demonstrar que era impossível me ver por inteiro nos espelhos do meu apartamento", afirma o francês. "O vídeo não ficou ótimo, mas postei no TikTok mesmo assim. Que surpresa quando acordei!", disse ele relembrando o alto índice de cliques no vídeo.

Além de ser útil para sua autoestima, Vincent Pourchot considera que seus vídeos ajudam outras pessoas que convivem com a altura elevada. O jogador de basquete disse já ter recebido muitos elogios por sua atuação na batalha contra o bullying e recentemente foi contactado por jovens que relataram de forma positiva a maneira como trata do assunto.

@vincentpourchot

Et toi tu mesures combien ? Après les avantages les inconvénients ♬ A la folie - Francky Vincent

"Estou confortável com minha altura, convivo muito bem com isso. Mas nem todo mundo vive bem assim. Acabei de receber uma mensagem de um menino sofrendo bullying na escola por causa de sua altura. Ele me garante que meus vídeos devolveram sua confiança. Eu me sinto útil", explicou à AFP. Pourchot também foi convidado para atuar em um filme, mas sua rotina como jogador de basquete no Tours o impede de exercer outra atividade. "Me ofereceram um bom papel em um longa-metragem, mas teria de ficar livre por mais de um mês. É incompatível com o basquete profissional", lamentou.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteTikTok

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.