Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Brad Penner/USA Today Sports
Brad Penner/USA Today Sports

Curry atinge marca histórica, Warriors bate Knicks e encerra má fase na NBA

Ala entra no Top 10 dos maiores pontuadores de três pontos na história da NBA

Estadão Conteúdo

05 de março de 2017 | 21h26

Com uma grande atuação dos "Splash Brothers", o Golden State Warriors colocou fim a sequência de duas derrotas consecutivas e venceu o New York Knicks por 112 a 105 neste domingo, no Madison Square Garden, em Nova York.

Stephen Curry anotou 31 pontos e entrou para o Top 10 de maiores pontuadores dos três pontos na história da NBA. O ala do Warriors chegou a 1.833 cestas de longa distância, ultrapassando Chauncey Billups, que tem 1.830 cestas. O líder desse ranking é Ray Allen, ex-Boston Celtics e ex-Miami Heat, que se aposentou em 2014, com 2.973 cestas.

Na partida deste domingo, Curry acertou cinco das 13 tentativas dos três pontos. Ainda pegou oito rebotes e deu seis assistências. Klay Thompson também teve grande atuação com 29 pontos.

A sequência negativa do Warriors, a primeira após dois anos, aconteceu justamente após a lesão no joelho de Kevin Durant. Pelo lado dos Knicks, o principal jogador foi Derrick Rose, que totalizou 28 pontos. Kristaps Porzingis fez 24 e pegou 15 rebotes.

O resultado mantém o Golden State na liderança isolada da Conferência Oeste, agora com 51 vitórias e 11 derrotas. Os Knicks seguem decepcionando, em 12º lugar do Leste, com 25 triunfos e 38 derrotas.

VITÓRIA NO ÚLTIMO SEGUNDO

Em outro jogo já encerrado neste domingo, o Indiana Pacers conseguiu a vitória em cima do Atlanta Hawks, fora de casa, graças a uma cesta de três pontos de Glenn Robinson no último segundo de partida.

O time anfitrião vencia o duelo por 96 a 94 e o Indiana tinha o último ataque. A equipe rodou a bola até cair nas mãos de Robinson, na zona morta. Livre de marcação, ele acertou lindo arremesso de atrás da linha de três pontos e o cronômetro parou com 0,6 segundo para o término, sem tempo para qualquer nova reação, jogando um balde de água fria nos torcedores adversários.

Além de Robinson, Paul George foi o destaque da partida e terminou como cestinha ao anotar 34 pontos. Pelo lado dos Hawks, o maior pontuador foi Paul Millsap, com 23 pontos. O Indiana está em sexto lugar na Conferência Leste, com 32 vitórias e 30 derrotas, logo atrás dos Hawks, que figuram em quinto, com 34 vitórias e 28 derrotas.

Tudo o que sabemos sobre:
NBAbasqueteStephen Curry

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.