Ronald Martínez / AFP
Ronald Martínez / AFP

Curry destaca reação do Warriors no segundo tempo: 'Sensação inacreditável'

Astro cita experiência e maturidade como fatores determinantes para classificação sobre o Houston Rockets

Estadão Conteúdo

29 de maio de 2018 | 11h14

O armador Stephen Curry destacou a força do Golden State Warriors no segundo tempo da partida. Segundo ele, a experiência da equipe foi determinante para alcançar a vitória de virada sobre o Houston Rockets por 101 a 92 na noite de segunda-feira, fora de casa, no jogo sete da decisão da Conferência Oeste.

+ LeBron James reconhece que Cavaliers chega como azarão na final da NBA

+ Sampaio Basquete bate Campinas em casa e fica a uma vitória do bi na Liga Nacional

+ Paulistano segura pressão do Mogi e fica a uma vitória do título do NBB

O resultado garantiu o Warriors pela quarta temporada consecutiva na decisão da NBA. E pela quarta vez seguida a final será contra o Cleveland Cavaliers, de LeBron James. "Superamos todas as dificuldades e obstáculos que apareceram. É uma sensação inacreditável", disse.

Curry finalizou a partida com 27 pontos, nove rebotes e dez assistências e talvez tenha sido o principal responsável pela reação ao acertar três bolas de três pontos no início do terceiro quarto. O jogador também lembrou que a equipe pela primeira vez precisou decidir um jogo de playoff fora de casa. "Nunca passamos por isso antes", disse.

"Estávamos contra a parede, sem a vantagem de jogar com a nossa torcida, precisando ganhar os dois últimos jogos para seguir vivo. Tudo isso só comprova como é difícil chegar às finais, como é difícil de jogar pelo título", afirmou.

O Warriors foi para o vestiário perdendo por 54 a 43 para o Rockets. Mas aí os atuais campeões da NBA, liderados por Curry, brilharam. Kevin Durant, com 34 pontos, e Klay Thompson, com 19, também se destacaram.

Do outro lado, o Rockets também contribuiu para a virada. O time errou 27 arremessos consecutivos dos três pontos. No segundo tempo, acertou apenas uma de 30 tentativas de longa distância. "Acho que a experiência e a maturidade nos ajudaram a chegar nessa decisão", finalizou Curry.

O técnico do Warriors, Steve Kerr também comemorou a vitória, mas lembrou da péssima atuação da equipe na metade inicial. "Foi uma das mais bizarras que fizemos", disse. "Mas no fim nosso talento prevaleceu. Temos um dos três melhores chutadores da competição", resumiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.