Dallas Mavericks continua implacável e Miami Heat ressurge

Nada pode deter a equipe e os talentos individuais do Dallas Mavericks, time que se consolida como detentor da melhor marca da NBA, enquanto o Miami Heat ressurgiu como vencedor antes do intervalo para o All Stars Game.O técnico Avery Johnson e o Mavericks voltaram a ter uma rodada vitoriosa após vencer o Milwaukee Bucks, de virada, por 99 a 93 e consolidar sua posição de líder indiscutível da NBA.Mais uma vez o ala alemão Dirk Nowitzki foi o encarregado de comandar a vitória e, com 38 pontos e 11 rebotes, permitiu ao Mavericks evitar a décima derrota na campanha.Na segunda metade da partida, o Mavericks chegou a estar em desvantagem e precisou lutar contra uma diferença de 16 pontos no placar para conseguir o oitavo triunfo consecutiva, uma a mais que a melhor marca anterior, a do Detroit Pistons.O Mavericks, com 43 vitórias e 9 derrotas, conquistou seu 19.º triunfo fora de casa, contra apenas seis derrotas na mesma situação, o que coloca o time ao lado do Phoenix Suns no posto de equipe visitante mais vitoriosa.O San Antonio Spurs, liderado pelo ala Tim Duncan, com 21 pontos, aproveitou a ausência do armador adversário Jason Kidd e venceu o New Jersey Nets por 107 a 82.Kidd, selecionado para a equipe da Conferência Leste do All Star Game, não jogou nas últimas três rodadas da liga e pode desfalcar a equipe no próximo domingo em Las Vegas, onde o jogo das estrelas será disputado.A vitória permitiu que o Spurs interrompesse uma seqüência de três derrotas seguidas, a mais longa da equipe no campeonato, e deixasse sua marca em 34 vitórias e 18 derrotas.Por enquanto, a equipe se mantém no segundo lugar da tabela da Divisão Sudoeste, mas está próxima do Houston Rockets, que bateu, na prorrogação, o Sacramento Kings por 109 a 104.O Rockets venceu o Kings em casa, onde teve a contribuição de 28 pontos do ala-armador Tracy McGrady. A vitória, segunda consecutiva, permitiu ao Rockets manter suas aspirações, apesar de ter ainda que enfrentar durante dois meses o desfalque do pivô chinês Yao Ming.Outra equipe que continua subindo na tabela é o Heat, que venceu o Portland Trail Blazers por 104 a 85 e evitou chegar à metade da campanha com uma marca negativa. O índice da equipe agora é de 26 vitórias e 26 derrotas.A vitória também levou o Heat ao segundo lugar da Divisão Sudeste, empatando com seu vizinho do norte do estado da Flórida, o Orlando Magic. O armador Dwyane Wade marcou 35 pontos para a equipe de Miami.Outra boa notícia para o Miami foi o anúncio oficial da volta do lendário treinador Pat Riley, que, após a folga de seis semanas que tirou para operar o joelho direito e o quadril, voltará ao banco para dirigir a equipe em 21 de fevereiro.Já o Los Angeles Lakers continua sem vencer e chegou a sua maior seqüência de derrotas na campanha, ao perder por 106 a 107 para o New York Knicks. O pivô Eddy Curry marcou quatro de seus 19 pontos no último minuto da partida e fez a cesta da vitória do Knicks quando faltavam 7,1 segundos para o fim do jogo.O Lakers (30 vitórias e 23 derrotas) continua em segundo lugar na Divisão do Pacífico, apesar das quatro derrotas seguidas. Outros resultados da rodada da NBA:Memphis Grizzlies 108 x 104 New Orleans Hornets Chicago Bulls 111 x 112 Toronto Raptors

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.