Detroit Pistons demite o técnico Michael Curry

Michael Curry não consegue implementar novo esquema tático no time, que passará por reestruturação

30 de junho de 2009 | 15h21

O Detroit Pistons anunciou nesta terça-feira a demissão do técnico Michael Curry, que treinou a equipe na última temporada. "Essa foi uma decisão muito difícil a ser tomada", disse o presidente da franquia, o ex-jogador Joe Dumars.

Agora, os Pistons procuram no mercado pelo novo treinador, mas ainda não definiram que estilo seguir, o defensivo, que recolocou o time entre os principais, ou o ofensivo.

Michael Curry encontrou muitas dificuldades para treinar o time, principalmente depois da troca que levou Chauncey Billups para o Denver Nuggets por Allen Iverson, que não deve permanecer no elenco para a próxima temporada. Os Pistons venceram 39 dos 82 jogos disputados na temporada regular e foi "varrido" pelo Cleveland Cavaliers na primeira rodada dos playoffs por 4 jogos a 0.

Tudo o que sabemos sobre:
NBAMichael CurryDetroit Pistons

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.