Dois brasileiros apitarão o Mundial Feminino de basquete

A Federação Internacional de Basquete (FIBA) divulgou nesta terça-feira a lista com os 25 árbitros que apitarão o Mundial Feminino do Brasil, que começará no dia 12 de setembro. O País será representado por dois juízes: Sérgio de Jesus Pacheco, de 41 anos, e Fátima Aparecida da Silva, de 39.Para Fátima, que apitará pela primeira vez um Mundial, a responsabilidade será muito grande, já que a competição estará acontecendo justamente no Brasil. "Representar o nosso País é fantástico, o que comprova o bom nível da nossa arbitragem".Por sua vez, Pacheco participará pela terceira vez da competição. "Esse é o reconhecimento do nosso trabalho, que está entre os melhores do mundo". Ao todo, o Mundial, que será disputado nas cidades de São Paulo e Barueri, terá a arbitragem de nove mulheres, o maior número já registrado pela categoria.Árbitros selecionados para o Mundial:Fátima Aparecida Da Silva (Brasil) Sergio de Jesus Pacheco (Brasil) Karolina Andersson (Finlândia) Heros Avanessian (Irã) Gabriel Chiel Baum Spalter (Uruguai) Susan Elaine Blauch (Estados Unidos) Matej Boltauzer (Eslovênia) Elena Chernova (Rússia) Antonio Conde (Espanha) Nadine Renée Crowley (Canadá) Ivo Dolinek (República Checa) Nancy Ethier (Canadá) Vitalis Odhiambo Gode (Quênia) Kok Yew Ho (Malásia) Chantal Julien (França) Philippe Leemann (Suíça) Oscar Lefwerth (Suécia) Vaughan Charles Mayberry (Austrália) Ling PENG (China) Kestutis Pilipauskas (Lituânia) Diego Hernan Rougier (Argentina) Gabriela SCHAER Araya (Costa Rica) Roberto Omar Smith (Argentina) Moussa Ismaila Toure (Mali) Gens Vadayattu Varghese (Índia)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.