AP Photo / Craig Mitchelldyer
AP Photo / Craig Mitchelldyer

Em grande fase, Suns batem Blazers e vencem quinta seguida; Clippers se recuperam

Resultado positivo mantém a franquia do Arizona na segunda colocação da Conferência Oeste com 25 vitórias e 11 derrotas

Redação, Estadão Conteúdo

12 de março de 2021 | 08h15

De volta às quadras após uma semana de descanso por conta da parada para o All-Star Game, o Phoenix Suns não perdeu o embalo na temporada regular da NBA. Na rodada de quinta-feira, a franquia do Arizona manteve a grande fase ao derrotar o Portland Trail Blazers por 127 a 121, mesmo fora de casa, e conseguiu a quinta vitória consecutiva.

O resultado positivo mantém os Suns na segunda colocação da Conferência Oeste com 25 vitórias e 11 derrotas, atrás somente do Utah Jazz. O revés em casa fez com que os Blazers caíssem para o sexto lugar na mesma conferência, agora com 21 triunfos em 34 partidas.

Os Suns contaram com sete jogadores passando da marca dos 11 pontos na partida. Devin Booker foi o cestinha com 35 pontos, além de cinco rebotes e oito assistências. Chris Paul foi um dos destaques com 19 pontos, cinco rebotes e sete assistências. Pelos Blazers, Damian Lillard marcou 30 pontos, sete rebotes, oito assistências e dois roubos. Enes Kanter terminou a partida com 16 pontos e 11 rebotes.

Na Califórnia, o Los Angeles Clippers se recuperou de uma série de três derrotas seguidas e bateu o Golden State Warriors por 130 a 104, no ginásio Staples Center, em Los Angeles. Kawhi Leonard foi o nome do jogo com 28 pontos e nove rebotes. Serge Ibaka anotou um "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos) de 16 pontos e 14 rebotes. Já Paul George fechou a partida com 17 pontos.

Kelly Oubre Jr, e Andrew Wiggins foram os cestinhas dos Warriors, com 15 pontos cada. Em noite apagada e muito bem marcado, o armador Stephen Curry anotou 14 pontos, assim como James Wiseman, que só atuou no último quarto depois de ter perdido um teste de covid-19 durante a semana.

No lado leste dos Estados Unidos, o Brooklyn Nets superou em casa o Boston Celtics por 121 a 109 com uma exibição de gala de Kyrie Irving. O armador registrou a sua melhor pontuação na temporada, 40 pontos, além três assistências e oito rebotes para cima da equipe na qual defendeu entre 2017 e 2019. Mesmo sem os poupados Kevin Durant e Blake Griffin, este aguardando sua estreia oficial, os mandantes agora têm 12 vitórias nos últimos 13 jogos.

James Harden, o outro All-Star dos Nets em quadra, flertou com o "triple-double" (dois dígitos em três fundamentos), mas fechou com 22 pontos, oito assistências e 10 rebotes. Landry Shamet foi outro destaque dos mandantes com 18 pontos, sendo seis bolas de três.


Confira a rodada de quinta-feira da NBA

Charlotte Hornets 105 x 102 Detroit Pistons

Brooklyn Nets 121 x 109 Boston Celtics

Toronto Raptors 120 x 121 Atlanta Hawks

Miami Heat 111 x 103 Orlando Magic

Chicago Bulls 105 x 127 Philadelphia 76ers

Milwaukee Bucks 134 x 101 New York Knicks

New Orleans Pelicans 105 x 135 Minnesota Timberwolves

Oklahoma City Thunder 116 x 108 Dallas Mavericks

Los Angeles Clippers 130 x 104 Golden State Warriors

Portland Trail Blazers 121 x 127 Phoenix Suns

Sacramento Kings 125 x 105 Houston Rockets


Confira a rodada de sexta-feira da NBA

Washington Wizards x Philadelphia 76ers

Memphis Grizzlies x Denver Nuggets

New Orleans Pelicans x Cleveland Cavaliers

Chicago Bulls x Miami Heat

San Antonio Spurs x Orlando Magic

Utah Jazz x Houston Rockets

Los Angeles Lakers x Indiana Pacers

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.